Parceiros de Ouro
0 de 8
Créditos
» Skin obtenido de Captain Knows Best creado por Neeve, gracias a los aportes y tutoriales de Hardrock, Glintz y Asistencia Foroactivo.
» Demás Créditos del Foro.
Parceiros de Prata
0 de 26
Parceiros de Bronze
0 de 34

[Jornada] Lauts

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[Jornada] Lauts

Mensagem por Lauts em Dom Nov 18, 2018 4:33 pm



Capítulo 0
Un nouvel univers


ㅤㅤㅤㅤㅤㅤ Em um dia chuvoso, o novo Performer de sua família iria para um novo universo, um que ele não ficasse mais preso entre quatro paredes e um teto, juntamente com vários livros em sua volta. Os olhos entre o humano e seu pokémon se encontraria, ambos estariam eufóricos para começarem de suas jornadas, mas enquanto ainda estivesse chovendo, Lauts resolveria tornar de seu ultimo tempo ali para o seu ultimo livro lido, já que quando saísse de seu quarto, procuraria focar apenas em sua equipe Pokémon.
 
– Lauts, a chuva parou, você deve ir agora – dizia o tio.
 
Ouvindo o seu tio, ele se levantaria, e assim olharia para Misdreavus, e então andaria até a porta de seu quarto e começaria a descer as escadas de sua mansão, despedindo de todos que encontrava pelo caminho, e assim ele abriria a porta e olharia para o jardim, acompanhado de um lindo arco-íris que se acabava apenas a alguns quilômetros.
 
Os seus passos lentos seriam perseguidos por Misdreavus, que ficaria a flutuar em volta de seu ombro direito, e assim ele chegaria até o portão de sua mansão, daria uma última olhada, a imagem que se tornaria lembranças até completar de seus objetivos, em seguida olharia para Misdreavus, e assim dizia:
 
– Então o início de nossa jornada começa aqui Misdreavus...
 
– Miss, miss!
 

Misdreavus parecia estar ainda mais animada que o próprio Coordenador, e assim eles começariam a andar pela rua, na esperança de encontrar um novo pokémon para sua equipe..
Lauts
avatar
Mensagens : 34

Performer

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Lauts

Mensagem por Lauts em Dom Nov 18, 2018 8:38 pm



Capítulo 1 ~ Training and Capture
Extraction de la peur


ㅤㅤㅤㅤㅤㅤ O jovem coordenador parecia estar se sentindo em um universo diferente, a quantidade de pokémon no mundo inteiro parecia extrapolar os de pessoas, e ele não parecia ter visto isto pessoalmente como hoje. Sempre acompanhado por sua Misdreavus, que mal ficava em sua pokébola desde que chocaste do ovo. "- O que fazer?" era a dúvida que ficaria nos pensamentos de Lauts, que continuaria a andar sem rumo algum. Mesmo tendo morado ali por anos, ele não parecia ter estudado muito a geografia da cidade, e por isto se encontraria um pouco perdido, ele evitaria passar próximo aos becos, para não ser roubado em seu primeiro dia.
 
– MISS!
 
Misdreavus parecia reclamar de algo, quando logo o coordenador veria as esferas vermelhas brilhando, a que simulava um colar em volta de seu pescoço. Quando de repente, viria um flashback na cabeça de Lauts. O dia repetitivo de sempre, o jovem se encontrava em seu quarto, com alguns livros jogado em volta de sua cama, enquanto Misdreavus estaria rondando pela casa. Passando horas lendo de seus livros prediletos, Lauts ouviria um grito vindo na cozinha, em seguida de várias panelas caindo sequentemente, o jovem se levantava e vai ver o que esta a acontecer, indo até a cozinha veria a chefe de sua casa assustada, a mesma estaria com uma colher apontada para Misdreavus, que estaria absorvendo de seu medo, enquanto as esferas vermelhas em seu pescoço ficaria a brilhar...
 
Se relembraria de um acontecimento passado, a única coisa que ele ficaria a pensar naquele momento, e aquilo não era algo relacionado muito bom, já que era o sinal que alguém estaria a sofrer, com medo. Olhando fixamente para Misdreavus, com um olhar sério, Lauts viria a perguntar:
 
– Miss... De novo?
 
Misdreavus olharia com uma cara de inocente para o rosto de Lauts, quando os seus olhos se direcionavam para baixo ela veria que os seus colares novamente estariam a brilhar, isto era algo que sempre acontecia quando estaria a absorver o medo, não conseguiria evitar. Em seguida ela olharia para o chão, saberia que estaria errada, e assim ele daria uma ordem para Miss, enquanto passava a mão em sua cabeça:
 
– Não se preocupe com isto, é um instinto natural seu... Agora me guie, de onde você está sentindo todo este medo.
 
E assim Misdreavus iria na frente, enquanto o coordenador apenas o seguiria, levando ambos até um beco sem saída, aonde ele poderia ver o choro de um cachorro, o mesmo estaria atrás de uma lata de lixo, que estaria caída, ele apresentava ter vários arranhões em seu corpo, Lauts não pensaria duas vezes e correria em sua direção, assustado ele nem reagiria, quando se aproximava o bastante para pega-lo de repente o mesmo era surpreendido com um roedor, que estaria correndo em direção do cãozinho e com suas garras tentaria lhe atingir com um arranhão. Por instinto, Lauts jogaria o seu corpo na frente do pokémon, por sua sorte o pano de sua roupa era bastante volumosa, e por isto elas eram apenas rasgadas pelas garras afiadas de Rattata.
 
Pegando o Rockruff no colo, Lauts se afastaria lentamente enquanto daria sinal para seu Misdreavus entrar no campo de batalha. Enquanto isto o jovem pegaria de sua Pokédex e miraria no pokémon desconhecido, e a batalhar entre os dois, se iniciaria.
 
      
 
– Comece com Psywave, Misdreavus.
 
A batalha se iniciaria, o Pokémon fantasma era o primeiro a agir no campo de batalha em comparação ao seu adversário. Uma onda psíquica era mandada em direção do roedor, o atingiria com sucesso, o fazendo recuar um pouco ficando próximo a uma parede, então Rattata começaria a escala-la e assim ficando mais alto que Misdreavus, em seguida pularia em sua direção com suas unhas para lhe atingir com um arranhão, o seu ataque passaria pelo corpo do fantasma, dando indícios que o mesmo seria imune contra ataque físicos, e isto lhe traria uma grande vantagem contra aquele pokémon.
 
– Psywave, é a única opção que temos... Por enquanto!
 
Rattata não parecia ter desistido, teria em mente que não conseguiria atingir o seu adversário, caso quisesse acertar o seu oponente, teria que ter outro tipo de movimento embaixo de suas mangas. O roedor passaria a se mover rapidamente, desaparecendo do campo de visão de Misdreavus que apenas ficaria a observa-lo, quando de repente o mesmo tentaria atingi-lo com um ataque rápido, passando reto novamente atingido a parede atrás de Misdreavus, se machucando um pouco, quando de repente o mesmo era atingido novamente pela onda psíquica, sendo lançado contra a parede pela segunda vez, causando uma pequena rachadura no concreto.
 
– Psywave novamente!
 
A terceira rodada se iniciaria, infelizmente Misdreavus não teria muita opção para atacar, mas felizmente era imune a todos ataques que Rattata possuía naquele momento. Ele se encontrava em uma situação não muita boa, ele estaria bastante ferido, mas Lauts não parecia se preocupar com aquilo, já que a situação do pequeno cãozinho era a mesma. Rattata novamente correria em direção de Misdreavus, e novamente viria a errar o golpe contra Misdreavus, e era pego pelo ataque psíquico.
 
– Ele já está bem fraco, acabe com ele... Psywave.
 
Rattata ainda parecia querer lutar, e o último comando era dado para Misdreavus, e o pequeno roedor se prepararia para atacar também, ele correria em direção de Misdreavus, enquanto a pequena fantasma também atacaria no mesmo momento, a onda psíquica lhe acertaria de baixo para cima, a lançando para longe.
 
Winner!
 
O roedor era lançado para longe após o ataque de Misdreavus, e o pequeno cachorrinho já estaria se movimentando aos poucos, parecia estar paralisado de medo. Colocando ao chão, o jovem pegaria de sua pokédex e coletaria novas informações, descobriria que a sua evolução não seria apenas forte, como também bastante elegante, ele então se aproximaria, Rockruff não aparentava ter medo do humano, talvez Lauts teria conquistado de sua confiança após de salvar o pokémon selvagem. Lentamente ele pegaria de uma pokébola vazia, enquanto mostraria para ele, e assim dizia:
 
– Olá Rockruf, sou Lauts, e essa é Misdreavus. Parece que está perdido, o que acha de vir conosco, e se tornar ainda mais forte?
 
Rockruff parecia estar confuso, era claro que ele nunca teria tomado uma decisão daquelas, se não, não seria considerado um pokémon selvagem. Lentamente ele se aproximaria do coordenador, quando com um movimento rápido ele saltaria em direção da pokébola, logo em seguida o seu corpo era sugado pelo material esférico que caia ao chão logo em seguida, aos poucos se movia de um lado para o outro, quando daria sinal que o pokémon teria sido capturado com sucesso, agora o coordenador teria dois pokémons contigo.
 
Captured 

Lauts procuraria novas coisas para fazer, sendo como principal objetivo, aumenta-la e treina-la.

The End.
Lauts
avatar
Mensagens : 34

Performer

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Lauts

Mensagem por Gust F. em Seg Nov 19, 2018 2:42 am

OBS: Obrigado a Mary que disponibilizou esse template simples porém satisfatório para ser plagiado. <3

História (Máx.: 2.0): 1.7. A história foi muito boa e bem contada, definindo muito bem os objetivos. Fiquei surpreso, inclusive, com a forma como você usou uma característica da Misdreavus, citada na pokédex, a seu favor, isso foi muito bom mesmo. Porém, achei a captura do Rockruff muito rápida e sem tantos detalhes, mas não interferiu na qualidade do texto.

Batalha (Máx.: 2.0): 1.3. Obviamente você não tinha nenhuma outra opção além do Psywave e, mesmo assim, você fez um bom trabalho narrando o combate. Só que eu achei, de certa forma, um pouco fácil um combate contra um pokémon que não tinha forma alguma de atingir a Misdreavus porque só possui movimentos normais. Em caso de você ter um pokémon apenas com movimentos fantasmas, provavelmente não colocaria um pokémon normal contra ela. Mas no geral a batalha foi sim bem narrada, dados os limites que você tinha com seu pokémon e até com o adversário (seja ele qual fosse).

Ortografia (Máx.: 1.0): 0.8. O texto está muito bem escrito e com poucos erros de ortografia. Porém, senti muito a repetição de alguns termos (como "ele"), além de muitos verbos no mesmo tempo verbal, o que de certa forma tornou-se desnecessário, sendo alguns podiam ser substituídos por outros termos ou simplesmente cortados do texto, porém é apenas isso mesmo.

Nota final (Máx.: 5.0): 3.8

Avaliação:
✬✬✬✬

Misdreavus ganhou 1200 de Experiência e subiu para o nível 8! (150/450)


Misdreavus
Nvl: 8 (150/450)
Sem ferimentos, sequer parece que entrou em combate
Hp: 21/21


Rockruff
Nvl: 5 (0/300)
Menos amedrontado.
Hp: 10/10

Lauts recebe 200 de EXPc e sobe para o nível 2 (100/200). Perdeu uma Pokeball com a captura.
Recebeu uma Razz Berry.
Gust F.
avatar
Mensagens : 292

Gust

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Lauts

Mensagem por Lauts em Seg Nov 19, 2018 11:30 pm



Capítulo 2 ~ Training and Capture
Club de combat?


ㅤㅤㅤㅤㅤㅤ Os três estariam caminhando em volta da cidade, o clima estaria bem agradável, a brisa do vento batendo levemente em seus rostos, balançando o seu cabelo, e os pelos dos pokémons. Agora com dois companheiros lhe acompanhando por sua jornada, Lauts faria uma pergunta a si mesmo em seus pensamentos se estaria pronto para entrar no palco, ele ainda não parecia ter qualquer confiança, talvez ainda quisesse treinar um pouco mais de sua equipe, ou até mesmo conseguir um novo integrante.
 
Um passo a frente de outro, sequentemente por alguns minutos, sempre preocupado com os seus pokémon, para que os mesmos não ficassem tão cansados andando por uma longa distância daquelas. E percebeste tarde, que novamente não parecia traçar um rumo por aquela cidade que era bem enorme, olhando para os dois, Lauts procuraria por alguma sugestão:
 
– Alguma sugestão para onde ir?
 
– Rock, Ruff, Ruff…
 
– Miss, Miss!?
 
Misdreavus também não sairia muito longe de perto de Lauts desde que era considerado um pokémon bebe, enquanto Rockruff viveria pelas ruas de Ocianid, mas mesmo assim, ele parecia viver apenas em alguns becos pelo norte da cidade, sendo assim, realmente não teriam rumo algum para seguir, talvez teriam que depender um pouco da sorte. Se passariam em torno de algumas horas, desde que o jovem teria começado a andar, quando de repente poderia ver uma aglomeração de pessoa, o que era mais estranho, era que a mesma se encontraria em um local bem fechado e escuro, lentamente ele iria se aproximando junto com os seus dois pokémons, quando perceberia que teria um campo de batalha feita no avulso, assistindo por mais um tempo, logo ele veria que aquilo seria algo clandestino, e todos em sua volta não pareciam ser uma boa pessoa.
 
Um homem estaria apostado um pokémon que estaria preso em uma gaiola, o mesmo não parecia ter dano algum, o selvagem teria um formato esférico e uma cauda, pegaria a sua pokédex e miraria no desconhecido, segundos depois ele viria a descobrir se tratava de um Togedemaru, quando de repente o homem que parecia estar organizando tudo aquilo começaria a falar:
 
– Teremos outro perdedor? Ou será um vencedor? Quem será o próximo a apostar? Se ganhar não pegarei nada de seu dinheiro, e ainda terá a chance de capturar este pokémon selvagem, mas se perder... Me deverá terão que me pagar 2000 Ienes.
 
Lauts estaria bastante pensativo, aquela quantia era tudo o que ele tinha, mas também não poderia deixar um pokémon daquele preso naquela gaiola, ele teria que pensar muito bem caso, mas no mesmo tempo, não teria um longo prazo, já que outra pessoa poderia se candidatar para batalhar contra ele. Levantando de sua mão iria se aproximando com passos lentos, subiria o degrau e assim ficaria na frente do desconhecido, ele sentia que o mesmo estaria desconfiando, por conta de sua aparência infantil, mas sem falar mais nada colocaria os 2000 Ienes em cima da mesa, e assim se afastaria, esperando que o mesmo lançasse seu pokémon.
 
Um Lillipup seria lançado para o campo de batalha, antes de tudo o coordenador procuraria coletar informações sobre o adversário, quando também pensaria que os níveis de todos ali não deveriam ser tão fortes, algo que deixaria Lauts surpreso, pela grande aglomeração. Ele então sem pensar duas vezes, utilizaria de seu Rockruff, e dando inicio a batalha entre os dois caninos.
 
      
 
– Inicie com Sand Attack, vamos "cegá-lo"!
 
E assim a batalha se iniciaria em um local apertado daqueles. Com a ordem de seu adversário, Lillipup partiria para a direção de Rockruff, na prontidão de acerta-lo com uma investida, com poucos passos era o bastante para se aproximar do outro canino, que com suas patas iriam até o chão e lhe acertariam com algumas areias em seus olhos, fazendo perder um pouco de sua visão, quando de repente ele mudaria de direção, mas mesmo assim, acertaria Rockruff, mas de raspão.
 
– O ataque com Tackle.
 
A segunda rodada chegaria ao início, desta vez Rockruff começaria atacando. Aproveitando que o seu adversário não estaria com uma visão muito avantajada, correria em sua direção e rapidamente lhe acertaria com uma investida, mais ou menos na região de sua costela, o machucando um pouco. Quando de repente, mesmo com sua visão embaçada por conta da areia em seus olhos, ele conseguiria acertar o seu adversário com uma outra investida também, mas parecia que ainda se encontraria em desvantagem.
 
– Continue com Tackle, vamos ganhar isto.
 
Ambos se encontrariam em uma distância um pouco distante, teria sete metros entre si. Um pouco mais atento, Lillipup decidiria iniciar atacando após o comando de seu mestre, antes mesmo que Lauts pudesse a vir à falar, os seus passos iriam em direção de seu adversário, sua visão estaria melhorando de acordo com o tempo, quando jogaria o seu corpo novamente em direção de seu adversário, aproveitando tudo aquilo, Rockruff parecia fazer o mesmo, ambos pokémons se jogariam em direção um do outro, com uma investida, o mesmo nível de poder. Após o encontro, eles se machucariam um pouco, mas ainda pareciam estar no campo de batalha.
 
– Sand Attack, tente se esquivar do próximo ataque dele...
 
Um pouco tontos, eles procurariam continuar a batalha. Antes que Lillipup pudesse fazer algo, Rockruff viraria de costas para o mesmo e com suas patas traseira lhe acertaria com mais terra e os seus olhos, dificultando ainda mais a visão que antes, neste turno ele não ficaria a enxergar muito bem, e neste mesmo momento procuraria utilizar o encarar, diminuindo as estatísticas de defesa de Rockruff.
 
– Tackle!
 
A única frase desferida por Lauts. Ambos pokémons não estariam em uma situação muito boa, e novamente Rockruff conseguiria iniciar naquele turno atacando, aproveitando a distancia de cinco metros entre seus corpos, ele se aproximaria rapidamente de seu adversário, logo em seguida lhe acertando com uma investida, era o bastante para fazer com que Lillipup desmaiasse.
 
Winner!
 
E assim a batalha se finalizaria. O homem pegaria a chave que estaria em seu bolso, e caminharia em direção do jovem vencedor, quando de repente todos ali naquele momento poderiam ouvir um homem gritando, que correria em suas direções e passaria reto para o outro beco:
 
– A POLICIA ESTÁ AQUI. FUJAM, FUJAM, FUJAM!
 
O coordenador não seria o vilão naquela tarde, mas era claro que se fosse encontrado em um local daqueles seria destacado como um, e para comprovar o contrário seria algo realmente difícil. Com toda a multidão correndo, um deles derrubaria a gaiola libertando do pokémon ali preso, que Lauts já demonstraria algum desejo, ambos olhos se encontrariam, antes de Togedemaru começar a correr para a direção contrária. O mesmo parecia estar um pouco ferido, e o coordenador começaria a segui-lo após pegar o seu dinheiro em cima do balcão, tomando uma direção oposta do outro bando.
 
Curvas após curvas, Togedemaru parecia estar tentando despistar Lauts, pelo menos seria isto que o coordenador ficaria a pensar. A perseguição demoraria em torno de três minutos, até que os dois ficariam sem fôlego, e assim lentamente o jovem iria se aproximando, com sinais indicando para que o pokémon selvagem calmasse, quando conseguiria ouvir:
 
– TOGE, TOGE!
 
E com sua cauda apontaria para o beco direito, e la ambos poderiam ver a policia aonde teria prendido os demais que estariam envolvidos naquela aposta. E naquele mesmo momento Togedemaru iria se aproximando de Lauts e logo em seguida lhe daria um empurrão, localizando em sua barriga, em sequência faria alguns sinais indicando que o mesmo queria lutar, mesmo não estando em uma situação muito boa:
 
– Certeza?
 
Perguntava o Coordenador um pouco preocupado. Mas Togedemaru parecia estar bastante animado para batalhar contra ele, e assim Lauts concordaria com aquilo, indicando Misdreavus para batalhar contra o mesmo, não sendo uma boa opção...
 
 
      
 
– Inicie com Psywave Misdreavus.
 
A primeira ordem do pokémon fantasma era dada, o mesmo começaria a realizar uma onda psíquica que de volta em seu corpo seria lançada em direção de Togedemaru, o mesmo era atingido, mas infelizmente não parecia tomar muito dano por causa daquele ataque, talvez fosse menos efetivo a ele. E assim ele decidiria atacar, correndo em direção de seu adversário tentaria lhe atingir com uma investida, mas errando drasticamente, vendo que ataques físicos não funcionária contra o mesmo, ele teria que partir para a outra estratégia.
 
– Growl, faça isto para que não tome muito dano futuramente!
 
E era feito o que era dito por Lauts. A pokémon fantasma passaria a rosnar para o elétrico, de uma forma o deixando intimidade, diminuindo o seu poder de ataque, isto a ajudar bastante até o final da batalha, mas não era o bastante para faze-lo recuar. Rapidamente um choque era enviado em direção de Misdreavus, graças ao seu último movimento não tomaria dano, como também não daria dano por conta de Togedemaru não ter absorvido nenhuma onda elétrica nos últimos tempos, já que era considerado um para-raios.
 
– Continue com Psywave, vamos continuar assim até o final.
 
Infelizmente Misdreavus não teria muita opção para atacar, por isto os ataques repetitivos eram óbvios. Por sua sorte estaria em vantagens por conta de ter entrado em um estado melhor do que seu adversário no inicio do combate. Togedemaru começaria a carregar o seu ataque novamente, infelizmente não teria nenhuma tempestade ou outro pokémon elétrico em que pudesse recarregar sua força e descarregar tudo em alguém, por isto novamente daria uma carga não muito forte em Misdreavus, mas o atingindo perfeitamente. Enquanto no mesmo tempo ele era atingido pela onda psíquica, sendo lançado contra a parede.
 
– Como combinamos. Psywave!
 
Um movimento repetido do outro. Novamente Misdreavus passaria a mandar uma onda psíquica no pequeno Togedemaru, que se aguentava para continuar em pé, após ser atingido pelo ataque do fantasma ele assegurava com suas patas no chão para não ser jogado novamente contra algo concreto, e viria a aumentar a sua defesa um pouco, com um movimento de status defensivo.
 
– Vamos acabar com isto, neste turno, Psywave.
 
O final do turno já parecia estar declarado, mesmo com a suas estáticas de defesa aumentada no turno passado, Togedemaru não se encontrava nada bem, o mesmo andaria um pouco em zig-zag tonto, mas desistir não parecia ser uma opção. Pegando leve desta vez, uma onda psíquica era enviada em sua direção, atingindo o seu corpo e o lançando contra um latão de lixo, o fazendo desmaiar logo em seguida.
 
Winner!
 
Misdreavus viria a vencer aquela batalha, como também desde que tinha nascido, aquela era a primeira batalha em que ele teria tomado dano em sua vida. Então podia se dizer que aquela sensação era diferente para ela. A pokébola era apontada para Misdreavus, e logo em sequência o seu corpo era sugado para esfera, enquanto ela escutava a frase do coordenador:
 
– Descanse um pouco... Em breve te chamarei novamente para me fazer companhia...
 
Enquanto guardava a pokébola de Misdreavus, ele iria se aproximando lentamente do pokémon inconsciente ao chão, lentamente a sua mão iria se aproximando de seu corpo, o coordenador veria se o mesmo não teria nenhum ferimento sério, já que não sabia o que ele tinha passado com aqueles marmanjos.
 
Pegaria uma pokébola vazia, e assim apenas tocaria em seu corpo, que em seguida era fragmentado e absorvido pela pokébola, neste tempo ela ficaria um pouco agitada, enquanto se perguntaria em seus pensamentos "- Espero que ele aceite seguir a jornada comigo, e com meus outros companheiros..." ambos não teriam nada a perder. A aparelhagem esférica se movia de um lado para o outro, por três vezes consecutivas, até que daria sinal que o pequeno pokémon teria sido capturado com sucesso.

Captured
 
 Em pouco e pouco tempo, sua equipe vagarosamente iria se expandindo. Agora com três pokémons em sua equipa, Lauts então se levantava e guardaria a pokébola de Togedemaru em algum compartilhamento em sua roupa, e em seguida procuraria achar o caminho de volta para fora daqueles becos. Não demoraria muito até que achasse o seu fim.
 
O coordenador se encontraria bastante preocupado com os seus pokémons, como também estaria pensando no recém-capturado. Por isto ele começaria a olhar mais atentamente as ruas e os seus nomes, pois ficaria à procura do centro pokémon, já que ninguém gostaria de suportar dores daquela. Como também tiraria um tempo para descansar, caso conseguisse encontrar o CP.

The End.
Lauts
avatar
Mensagens : 34

Performer

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Lauts

Mensagem por Kio' em Ter Nov 20, 2018 3:12 pm


Avaliação

» Comentários: Sinceramente, tem alguns pontos que precisa melhorar urgentemente por estarem se repetindo muitas vezes no texto. O primeiro deles é a conjugação verbal, você conjuga muito os verbos no condicional (ex: estaria, faria, etc) e, por mais que não esteja errado, acaba por dar uma ideia errada ao leitor quando se utilizado de forma tão repetitiva sem adentrar um contexto que realmente necessite desse tipo de conjugação. Tente escrever mais nos tempos verbais comuns, Em outros pontos de ortografia e gramática, posso destacar alguns erros básicos de falta de vírgulas ou acentos.
Quanto ao contexto da história, gostei do que escreveu, pois mesmo não sendo um plot bem simples e sem muitas complicações ou eventos narrados, acabou por centrar bem os objetivos. A batalha está mediana, eu entendo que é por conta da falta de bons movimentos, o que o obriga a repetir tanta narração, então não tem muito o que comentar.

» Nota: ✬✬✬

» Condições:
Misdreavus 14/21 (cansada)
Rockruff 04/10 (cansado)

» Prêmios:
Lauts recebe 480 de dinheiro.
Lauts recebe 150 de Exp de classe e sobe para o nível 3! (50/300)
Rockruff ganhou 900 de Experiência e subiu para o nível 7! (250/400)
Misdreavus ganhou 900 de Experiência e subiu para o nível 10! (100/600)
 Recebeu uma White Apricorn.
Kio'
avatar
Mensagens : 29

Kio

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Lauts

Mensagem por Lauts em Qua Nov 21, 2018 12:24 am



Capítulo 3 ~ Double Training
Le petit rival


ㅤㅤㅤㅤㅤㅤ Os timbres de seus passos não poderiam ser considerados ruídos, mesmo com os seus pokémons cansados após as últimas lutas, superficialmente pisava naquele solo concretado, olhando aos arredores a procura do centro pokémon. O sol aos poucos iria se tornando ausente, e a lua presente a cada segundo que se passava. Encontrar o centro pokémon era o novo desafio de Lauts, já que o mesmo mal conhecia as ruas daquela cidade, em que ele estaria morando por anos.

Sua sorte parecia ter sida gasta com a captura dos novos pokémons, e agora estaria apenas com azar, ao tentar encontrar o local aonde curaria de seus pokémons, aonde também tiraria a noite para descansar. As claridades dos postes iriam surgindo de uma só vez, com a ajuda da luminosidade da lua, toda a cidade ainda se encontraria em claro, era claro que menos aquelas regiões mais perigosas, rodeada por bandidos e criminosos. Caso o coordenador demorasse mais um pouco, poderia ocorrer o risco de ser pego repentinamente por alguma pessoa com más intenções.
 
Uma praça poderia ser vista a exatamente cinquenta metros, apressando de seus passos ele avançaria até lá. Na noite, perante a luminescência da lua, poderia ser encontrada múltiplas pessoas por aquela praça, alguns caminhando com os seus pokémons, e outros tirando o tempo para passear em família, amigos e até mesmo namorados. Prosseguindo até um adolescente, que aparentava estar em seus quatorze anos de idade, e já possuía de um pokémon pequenino em seu ombro, o cutucaria o deixando um pouco surpreso, e logo em seguida o jovem coordenador dizia:
 
– Com licença meu jovem, por acaso você conhece aonde posso encontrar o centro pokémon?
 
– Claro que eu sei... Mas apenas digo, se batalhar comigo!
 
A criança era um pouco que esperta, aparentava se beneficiar naquela troca, ou pelo menos ganhar algo justo após dar uma informação para o coordenador, como a noite estaria já teria acabado de se iniciar, a resposta do homem era concordando com aquilo, e assim a batalha começaria, sem um ao outro saber das habilidades de seus adversários. Após de tirar seu Misdreavus da pokébola, Lauts e o outro treinador, trocaria informações mirando seus aparelhos rubros para os pokémons desconhecidos.
 
      
 
– Inicie com Psywave.
 
Misdreavus estaria um pouco cansado, mas isto não parecia que o afetaria muito no campo de batalha. Felizmente era o primeiro que começaria a agir, uma onda psíquica era lançada em direção de seu adversário, que se tratava também de um pokémon fantasma, pelo ataque ser do tipo psíquico viria a dar bastante dano, mas Gastly não deixaria por ali. Com a ordem de seu mestre ele flutuaria até Misdreavus, e em seguida lhe acertaria com uma lambida, não o deixando aterrorizado ou com medo, mas era o bastante para causar muito dano, o dobro igualmente ao ataque levado.
 
– Continue com Psywave.
 
O segundo turno se iniciaria. O Gastly estaria um pouco estranho após receber a ordem de seu treinador, ele não ficaria a atacar, era como se estivesse esperando o ataque de seu adversário, passaria um pouco despercebido pelo lado de Lauts, e por isto sem pensar duas vezes atacaria de seu adversário, que no mesmo tempo utilizaria de um movimento, limitando o uso de seu ultimo ataque mais ainda. Felizmente, o pokémon fantasma era atingido pelo ataque de Misdreavus, e entraria em desvantagem em termo de sua vida comparável ao de Misdreavus.
 
– Não temos mais apenas um movimento, Antonish!
 
Felizmente Misdreavus ainda estaria na vantagem contra os dois, Gastly se assegurava para não parar de flutuar e cair ao chão já inconsciente, mas ele começaria a preparar novamente, se aproximando de seu adversário lhe atingiria com uma lambida, quando estivesse a se afastar logo era atingido por um ataque fantasma vindo de seu adversário, um poderoso grito, dando o dobro de dano e o fazendo desmaiar.
 

Winner!
 
O adolescente não parecia ter aceitado a derrota, com a pokébola de Gastly, o faria retornar para ela, quando lançaria outro pokémon. "– Pensei que seria apenas uma batalha, mas pelo menos, estou treinando um pouco, talvez eu deva usar ele..." este era o pensamento do Coordenador, captando o pokémon desconhecido em sua pokédex, ele trocaria de pokémon, lançando um que teria mais vantagem na batalha contra um do tipo voador.
 
      
 
– Togedemaru, Thundershock!
 
Uma segunda batalha se iniciaria ali, mesmo passando pelo combinado o Coordenador parecia gostar. O primeiro movimento desta vez era dado pelo adversário, Spearow voaria em direção do pokémon elétrico, e lhe acertaria com uma bicada bem em sua testa, mas por sua sorte, Togedemaru era bem resistente, e aproveitando que o pássaro estaria perto, o acertaria com um ThunderShock, o dano era o dobro, mas infelizmente o dano não era ao seu 100% pelo fato de não ter absorvido nenhum raio nos últimos minutos.
 
– Tackle, ataque de frente com ele.
 
Com as escolhas de seus donos, ambos iriam atacar com movimentos físicos, Spearow seria o mais veloz dentre eles, como também obtinha a vantagem de poder voar livremente. Ambos se movimentando na maior velocidade em direções contrárias, se aproximando um do outro a cada milissegundo que se passava, e assim se encontraria, enquanto o pássaro usaria de sua bicada, o pequenino porco espinho elétrico acertaria com uma investida, o dano seria quase igual, mas infelizmente Spearow parecia estar na desvantagem por conta do ataque passado.
 
– Thundershock novamente...
 
Spearow no céu começaria a rosnar para Togedemaru, o mesmo conseguiria intimida-lo o fazendo perder uma pequena porcentagem de seu ataque, mas isto não seria o bastante para mudar o seu poder, e ele seria atingido pelo choque, caia ao chão, mas ainda lutava para não cair ao chão, parecia estar absorvendo a confiança que seu treinador tinha sobre ele.
 
– Aproveite este momento agora, Thundershock!
 
O passarinho não parecia ter muitas forças para atacar, a única coisa que ele faria naquele turno seria encarar o seu oponente, abaixando de sua defesa desta vez, como também esperaria por alguma reação diferente, que não viria a acontecer. Enquanto isto Togedemaru iria se aproximando de seu adversário, estando a mais ou menos dois metros atingiriam seu adversário com um choque, que logo em seguida desmaiaria.
 

Winner!
 
O adolescente parecia perder um pouco de sua confiança após aquela derrota, desanimado ele caminharia em direção de Spearow e o retornaria para a sua pokébola, logo em seguida ficaria encarando Lauts com uma cara de bravo, ele parecia ser bastante competitivo e não teria gostado nada daquela derrota. Apontando para o norte, com um tom alto e a voz ofegante ele dizia:
 
– O CENTRO POKÉMON FICA ALI, NA PRÓXIMA EU NÃO PERDEREI!
 
Parecia considerar Lauts de como o seu rival, após a sua fala irritado ele sairia correndo junto com os seus pokémons, dentro de suas pokébolas. Enquanto isto, o homem viraria para a direção apontada e veria que o centro pokémon não estaria nem a trinta metros de distância, por conta do ângulo aonde estaria, as árvores estariam tampando de sua visão, e a batalha ali poderia ser evitada, mas com ela, ele teria treinado os seus pokémons ainda mais, o que aumentariam suas chances quando fosse desafiar o palco, para aumentar sua reputação como um coordenador.
 
Agora ele teria achado de seu objetivo naquela noite, os seus passos já estariam mais sossegados, como também a sua mente estaria. E lá ele decidiria como iria curar de seus pokémons, e se realmente iria descansar por aquela noite.

The End.
Lauts
avatar
Mensagens : 34

Performer

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Lauts

Mensagem por Gust F. em Qua Nov 21, 2018 10:31 pm

OBS: Obrigado a Mary que disponibilizou esse template simples porém satisfatório para ser plagiado. <3

História (Máx.: 2.0): 0.9. Senti a falta de um plot mais elaborado para essa jornada, foi apenas um encontro aleatório fazendo uma batalha. Acredito que você consegue elaborar mais os próximos plots =D.

Batalha (Máx.: 2.0): 1.5. Achei o combate simples, porém elaborado. Eu pessoalmente gosto quando é exposto a fala dos dois lados do combate, assim fica mais fácil de perceber quais são os movimentos utilizados. Mas é só uma dica, não sendo necessária segui-la.

Ortografia (Máx.: 1.0): 0.85. Deu pra perceber que você seguiu as dicas colocadas nas últimas avaliações quanto à repetição de um tempo verbal e de uma mesma palavra várias vezes. A ortografia está melhor do que no texto que eu avaliei, continue sempre melhorando-a =D.

Nota final (Máx.: 5.0): 3.25

Avaliação:
✬✬✬

Misdreavus ganhou 900 de Experiência e subiu para o nível 11! (400/700)

Togedemaru ganhou 900 de Experiência e subiu para o nível 8! (150/450)


Misdreavus
Nvl: 11 (400/700)
Hp: 25/25


Togedemaru
Nvl: 8 (150/450)
Hp: 16/16

O(a) player recebe 150 de Exp de classe (200/300) e §480.
Recebeu uma Oran Berry.
Gust F.
avatar
Mensagens : 292

Gust

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Lauts

Mensagem por Lauts em Sex Nov 23, 2018 6:02 pm



Capítulo 4 ~ Catch and Training
Chaleur de l'enfer


ㅤㅤㅤㅤㅤㅤ Dormindo descontroladamente, sem ao menos se preocupar com toda a movimentação que estaria naquele centro pokémon, este era o jovem coordenador Lauts, que tem um sono pesado desde sua infância. De um segundo para o outro, os seus sonhos pareciam mudar drasticamente, de um grande desejo sonhando em seu futuro, já como um dos melhores coordenadores do mundo, iria para o pior, aonde os seus objetivos não teriam sido conquistados ou conhecido pelos seus espectadores. Isto era o bastante para que o fizesse acordar, parecia ser uma emoção superior ainda mais que o seu sucesso, talvez o medo daquilo acontecer era bastante grande.
 
– NÃOOO!
 
Se levantava aos gritos, sem que percebesse já estaria de pé, e logo em seguida veria Misdreavus e seus outros dois pokémons recém capturado, em um sono profundo, aquele era o melhor jeito para acordar o seu dono, fazendo com que o mesmo tivesse pesadelos em seus sonhos. Lauts já teria se acostumado com aquilo, já que Misdreavus o sempre acordava assim quando estava com bastante sono. Olhando para os seus três pokémons, instantaneamente parecia que faria o garoto parar de pensar em um fracasso próximo, a única coisa que pensaria, era em seus companheiros de jornada.
 
– Parece que vocês estão bem melhores, obrigado enfermeira Cloé...
 
O coordenador agradeceria e enfermeira pelo seu trabalho, antes mesmo de sair daquele local e sair pelas ruas da cidade. Os quatro estariam tomando o sol da manhã, mesmo não sendo o seu estado mais quente, estaria aos seus 32º graus, e ainda poderia ficar um pouco pior, já que o coordenador decidiria procurar outros tipos de pokémons, além daqueles que se encontrava na cidade, por isto ele iria em direção da praia, como também pretendia treinar um pouco.
 
Andando com calma ele chegaria a praia em questões de algumas dezenas de minutos, quase preenchendo a uma hora. Como imaginado por Lauts, a areia naquele lugar deixaria a temperatura ainda mais quente, quase insuportável para uma pessoa que vivia em sombras quase vinte e quatro horas por dia, mal se passaria dois minutos e ele já começaria a soar, quando de repente uma sombra aparecia em sua cabeça, olhando para cima veria Misdreavus, que dizia com um sorriso em seu rosto.
 
– Miss, miss!
 
A pokémon fantasma não parecia se preocupar com o calor daquele sol, e estava disposta a servir como sombra para o jovem. Todo aquele volume de areia, parecia dificultar um pouco de seus passos, como também ele conseguiria ver uma grande variedade de pokémons diferentes, desde aqueles que podiam ser pescados por vários pescadores que ficavam nas bordas, e outros que caminhavam na areia, eles pareciam estar bem familiarizados com as pessoas que visitavam aquela praia, que geralmente, a maioria eram turistas.
 
– Brinquem um pouco por aqui, se eu precisar de vocês, aviso.
 
Lauts parecia se preocupar com a felicidade de seus pokémons, o mesmo deixaria com que eles brincassem um com outro naquela praia, aonde eles iriam na borda, com a onda um pouco fraca brincariam um pouco com a água, como também com a areia, eles pareciam estar a se divertirem bastante.
 
"– Que tipos de pokémon será que eu posso encontrar aqui?..." era o pensamento que o coordenador ficaria por alguns segundos, olhando ao arredor com a pokédex em sua mão direita, mas nada parecia chamar a sua atenção. Ele estaria baseando nos pokémons que pudesse lhe ajudar em seu primeiro desafio no palco, que ele procuraria realizar o mais breve possível, para seguir a sua jornada na rota seguinte, e conhecer outras cidades no mundo a fora. Misdreavus realmente faria falta, sem ela, mal conseguiria andar sem ficar desidratado, por isto em pouco e pouco tempo ficaria parado por alguns segundos, como também olharia aos arredores, tomando cuidado para não se afastar muito de seus companheiros de equipe.
 
Um bom tempo se passaria, e nada chamaria a sua atenção, talvez a melhor opção seria que ele ficasse dentro da cidade. Se sentaria debaixo de um guarda-sol, que estaria vazio, mas deveria ser de alguém, "pegando emprestado" por alguns segundos, olhando em direção ao mar ele veria que pessoas estariam a correr oposta da água, se levantando e tendo uma visão um pouco mais ampla, conseguiria avistar dois pokémons selvagens brigando, não se sabia o motivo, mas eles poderiam machucar as pessoas que estariam naquele local.
 
Com a pokédex em sua mão direita, ele miraria nos dois, pegando informações sobre o mesmo. Se tratava de um Lotad e um Shellder, dois pokémons que era do tipo água, sendo que um deles também possuía o tipo grama, dois tipos que não se davam nada bem em um só. Um deles usariam a pistola de água, que errava feiamente, indo em direção de uma criança que não veria a maldade entre os dois, e ainda continuava a brincar construindo castelos de areias.
 
Sem pensar duas vezes, o coordenador correria em direção da criança, se jogava no ataque dado por Shellder, o mesmo era jogado por conta do impulso da pistola de água, por sorte, diagonalmente, mas conseguindo salvar a criança. Os seus pokémons veria o que estaria a acontecer, como também ficariam bastante bravo ao verem de seu dono ser atacado entre a briga daqueles dois, eles rapidamente correriam em direção do jovem e assim fariam uma barricada em sua frente.
 
– Miss, miss!
 
– Rock, ruff!
 
– TOGE!
 
Eles estariam dispostos a ajudar no que estaria a ocorrer, deixando o coordenador um pouco animado, como também poderia avaliar o poder daqueles pokémons selvagens. O garoto passaria a deduzir em que pokémon escolheria para batalhar naquela pareia, era claro que Togedemaru parecia ser a melhor opção, mas ele não parecia querer coloca-lo para treina-lo naquele momento, logo escolheria os outros dois que restavam, Rockruff e Misdreavus participariam daquela luta.
 
      
Battle 01
 
– Rockruff comece com Sand-attack, aproveite a vantagem de termos areia em nosso arredor.
Shellder atacará com Water Gun.
 
O primeiro turno se iniciaria, tomando a vantagem do local como decidido por Lauts, com suas patas ele jogaria a areia nos olhos de Shellder, a areia quente faria com que os seus olhos ardessem mais do que o comum. Com seus olhos bastante irritado, ele começaria a se mexer de um lado para o outro, enquanto utilizaria de sua pistola de água, jogando para todo conter lado, nem chegando perto de acertar o pequeno cãozinho.
 
– Rockruff, utilize Tackle!
Shellder atacará com Tackle.
 
Ambos lados decidiriam realizar do mesmo movimento, infelizmente para Shellder, ainda não teria a sua visão restaurada e por isto se encontraria em desvantagem. Os dois se jogavam um na direção do outro, até que os seus corpos se encontrariam e se acertariam com uma investida, e logo após isto, se distanciariam um do outro.
 
– Rockruff, desta vez ataque com Bite.
Shellder atacará com Tackle.
 
Por sorte, e azar em diferentes lados, a visão de Shellder passaria a melhorar pelo menos ao seu 75%, era o bastante para conseguir ver o seu adversário, mas de uma forma mais embaçada. Rockruff como um pokémon do tipo terra, teria desvantagem contra o tipo água, mas enquanto ele estivesse com a sua precisão arruinada, poderia estar neutro. Shellder jogaria o seu corpo em direção de Rockruff, novamente tentando lhe acertar com uma investida, era uma boa estratégia, já se continuasse a tenta-lo atingir com movimento a longa distância, as chances de errar seriam maiores, felizmente Rockruff conseguia se esquivar jogando o seu corpo para a esquerda, e voltando para a direita atingiria a concha com uma mordida.
 
– Agora troque o seu movimento para Tackle.
Shellder atacará com Water Gun.
 
Shellder está gravemente ferido, mas agora conseguiria enxergar semelhante a antes de ser atingido pelas areia em seus olhos, após a ordem de Lauts, ele rapidamente correria em direção de seu adversário e assim jogaria o seu corpo em direção da concha, a lhe atingindo com uma investida, quando de repente era jogado para longe, por conta da pistola de água que lhe causaria o dobro de dano.
 
– Vamos acabar com isto, fique correndo e tente se esquivar de seu próximo ataque, quando Shellder atacar, lhe atinja com um Bite!
Shellder atacará novamente com Water Gun.
 
O turno poderia estar prestes a acabar, Rockruff se encontraria em uma posição ainda mais defensiva, se mantendo a oito metros de distância de seu adversário, sem conseguir esperar, Shellder lançaria uma pistola em direção de Rockruff, que se esquivaria facilmente por conta de sua distância com um salto para a direita e neste momento continuaria a correr em direção de seu adversário, quando logo em sequencia acertaria Shellder com uma mordida, o fazendo desmaiar logo em seguida.
 

Winner!
 
Enquanto isto, os outros dois pokémons: Misdreavus e Lotad, viriam a batalhar no mesmo momento que Rockruff e Shellder, seguindo a ordem de Lauts, que revezava entre os dois.
 
      
Battle 02
 
– Inicie com Psywave.
Lotad atacará com Antonish.
 
O primeiro turno entre os dois começariam, ambos começariam a se aprontar para utilizar de dois movimentos totalmente distintos. Enquanto um utilizava de um movimento psíquico, outro tentaria um ataque sombrio, ambos ataques se encontrariam, e antes mesmo que atingissem o seu inimigo, se causaria em uma grande onda de areia após uma explosão, causando um pequeno buraco no meio da praia.
 
– Vamos, agora use Antonish.
Lotad atacará com Absorb.
 
A batalha estaria encirrada, os pokémons se levantariam após o tombo do encontro de seus dois movimentos. Desta vez o pequeno Shellder atacaria em primeiro lugar, usando de um movimento do tipo grama, ele passaria a absorver a energia vital de seu adversário, não conseguindo ganhar muita vida com aquilo, durante o seu movimento, o mesmo era atingido por um poderoso grito, o bastante para deixa-lo machucado.
 
– Continue com Antonish!
Lotad atacará novamente com Bubble.
 
Misdreavus parecia ter um conhecimento em batalhas superior do que o selvagem, mesmo tendo participadas de poucas, desta vez seria o primeiro a agir, gritando novamente atingiria os tímpanos de seu adversário, o deixando ainda mais ferido, quando em seguida as bolhas eram lançadas em sua direção, e o atingindo, mas estaria longe de estar comparável ao estado de Lotad.
 
– Psywave, acabe com isto...
 
Lotad não estaria em uma situação nada boa naquele momento, já poderia ver os seus passos em zig-zag, não parecia ter mais forças para lutar, enquanto isto Misdreavus passaria a carregar o seu ataque psíquico contra o pokémon, mas um pouco mais fraco, era o bastante para acerta-lo e como também faze-lo desmaiar.
 
Winner!
 
Os dois pokémons do coordenador eram os vencedores daquela batalha, como também conseguiria ter "acabado" com a briga daqueles dois que estaria acontecendo na praia, ganhando um pouco de reputação no local. O jovem olharia para os dois pokémons caído, pegando a concha levaria até o mar pensando que estaria segura la, descansando até que algum tempo voltasse a acordar, logo em seguida olharia para seus dois companheiros que teriam lutado guerreiramente, e assim dizia segurando de suas pokébolas.
 
– Vocês foram bem, agora descansem um pouco...
 
Era a ordem que teria dado a eles, logo em seguida, Misdreavus e Rockruff eram sugados pela aquela esfera vermelha, por um raio de luz do mesmo tom. Logo em seguida com uma pokébola vazia ele jogaria em direção do pokémon Lotad, um vitória régia, a pokébola faria uma curva, esta faria com que acertasse em cheio o centro do pokémon, ficaria agitada e se mexeria por apenas três vezes, em seguida daria sinal que o coordenador teria um novo companheiro de equipe em seu time.
 

Captured
 
Lauts estaria sob o sol já faria um bom tempo, a sua boca estaria completamente seca, e sua cabeça doendo por causa do sol, olhando para Togedemaru daria o sinal para lhe seguir, e assim andariam até uma fonte próximo a praia, já dentro da cidade. O clima ali dentro era bem mais agradável, com a presença das árvores, ele tomaria um pouco da água daquela fonte, com um pouco de medo do Togedemaru soltar uma faísca sem querer, já que ele se encontrava aí dentro junto com alguns Goldeens que deixava a vista ainda mais bonita.
 
Finalizando tudo o que teria a fazer, junto com Togedemaru continuariam a andar por volta da cidade, o seu desejo por capturar mais companheiros de equipe parecia ter minimizado um pouco, agora ele procuraria algum objetivo a seguir, que ainda não tinha executado em sua mente, por enquanto, apenas continuaria a andar...
End.
Lauts
avatar
Mensagens : 34

Performer

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Lauts

Mensagem por Gust F. em Sab Nov 24, 2018 3:50 pm

Avaliação
História (0.7/2.0): A história volta com os mesmos problemas da jornada anterior. Não houve um plot tão bem elaborado (apesar de sim ter), apenas você encontrando dois pokémon novamente. Além disso, alguns pontos da história ficaram bem confusos e eu particularmente não consegui entender, mesmo relendo algumas vezes. Explore melhor a personalidade de cada pokémon e até mesmo de seu coordenador, como você havia feito no primeiro capítulo, acho que pode ser isso que está faltando.
Batalha (0.6/2.0): É um pouco difícil explicar aqui, vou tentar ir por partes. Você usou todo o contexto da narração a seu favor, o que não está errado, porém você deveria pensar melhor nisso. Por exemplo, você utilizou a areia quente da praia para diminuir mais a precisão do Shellder, porém ao mesmo tempo Rockruff, mesmo que do tipo pedra, ainda é um cachorro, ou seja, tem patas. Então, as consequências de um lado poderia facilmente ser aplicado para o outro também. Além disso, a forma como você fez os combates foi claramente voltada a uma vantagem para você, o que, mais uma vez, não é errado, mas você poderia justificar melhor o que estava acontecendo para, por exemplo, o Rockruff não levar um dano sequer. Foi porque o Shellder estava com areia em seus olhos, foi porque o Rockruff desviou de alguns movimentos, mas acho que você pode justificar um pouco melhor. Ainda achei estranho o fato de você ter separado as duas batalhas, sendo que elas estavam acontecendo simultaneamente. Talvez os parágrafos ficassem maiores, mas na minha visão o mais correto seria juntá-las.
EDIT: Acabei descontando mais 2 décimos da batalha. Queria lembrar que você não pode escolher o nível e que ele é aleatório variando do menor nível da sua party até o maior dados aqueles limites que estão [AQUI]. Ou seja, no seu caso os selvagens variaram entre os níveis 7 a 11 nesta jornada. Acontece que, fazendo o sorteio, seu Lotad veio no menor nível possível (7). Na jornada, porém, ele usou o movimento Bubble, que ele só aprende no nível 9. Lembre-se de tomar um pouco mais de cuidado com os movimentos, nunca coloque movimentos que os pokémon podem aprender além do nível mínimo, pois isso pode acontecer de novo. \o
Ortografia (0.5/1.0): Aqui você voltou com o mesmo problema dos verbos, mas um pouco pior: veja, você além de ter utilizado demasiadamente os verbos no condicional (conseguiria, estaria, pretendia, sentaria, correria...), você também usou um verbo que não condisse com o tempo da jornada (passado). Eu sei que a língua portuguesa é um saco no que se refere a verbos (com uns bons tantos tipos diferentes de tempos verbais), mas tente sempre revezar os que você consegue encaixar melhor e evite sempre verbos no futuro, pois é uma coisa que irá acontecer.
Nota:
✮✮
Bônus:
Misdreavus ganhou 600 de Experiência e subiu para o nível 12! (300/800)

Rockruff ganhou 600 de Experiência e subiu para o nível 9! (0/500)

O(a) player recebe 100 de Exp de classe! (150/300)


Misdreavus
Nvl: 12 (300/800)
Hp: 16/27


Rockruff
Nvl: 9 (0/500)
Hp: 14/14


Lotad
Nvl: 7 (0/400)
Hp: 0/13

O(a) player recebe 100 de Exp de classe e sobe para o nível 4! (50/400). Perdeu uma Poké Ball com a captura.
Recebeu uma Timer Ball.
Gust F.
avatar
Mensagens : 292

Gust

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Lauts

Mensagem por Lauts em Dom Nov 25, 2018 11:52 pm



Capítulo 5 ~ Double Training ~ Oceanid City
La Marée de Printemps


ㅤㅤㅤㅤㅤㅤ Passos seguidos pela sombra de seu próprio corpo, o coordenador estaria à procura de outro evento pela cidade, antes de voltar ao centro pokémon e talvez finalmente desafiar o(a) líder do palco, mesmo não sabendo como funcionava aquilo. Caminhando até uma praça próxima, se sentando em um banco olharia para as poucas nuvens que se restavam ao céu, se movendo em uma só direção com velocidades distintas.

O jovem iria se acomodando no banco aos poucos, até que chegava um momento que estaria cobrindo todo ele, deitado, olhando diretamente para o céu, descansando olhando os movimentares das nuvens, nunca teria parado para observa-las pelo único motivo de quase sempre estar coberto por paredes e um teto, e por isto passaria mais tempo do que esperado naquela praça. Seus pensamentos iriam se tornando um só, aos poucos iriam se esvaziando até que ele não estivesse a pensar muito em seu futuro, sua cabeça iria relaxando e sem que reparasse os seus olhos iriam se adormecendo até se fecharem, o jovem teria ido dormir um pouco tarde na noite passada e acordado de manhã, não estaria muito acostumado com aquela rotina e estaria bem cansado, por isto viria a dormir em um local público daqueles.
 
...
 
A tempestade em alto mar, era esta a imagem ilustrada em que o coordenador teria em sua mente, antes mesmo de abrir os seus olhos reais. Ele se depararia com um poderoso jato de água em sua cara, e não parava, quanto mais tempo ficaria ali menos oxigênio iria para o seu cérebro, e ele iria ficando tonto e sem força.
 
– PARE COM ISTO MUDKIP!
 
Era uma voz que ele escutaria vindo de longe, era a mesma que faria aquele jato de água parar, quando de repente uma menina iria se aproximando do coordenador, colocando sua mão na cabeça de Mudkip a fazendo baixar junto com a sua, e logo em seguida viria a se desculpar.
 
– Por favor, desculpe Mudkip… Ele é meio teimoso, e as vezes gosta de molhar desconhecidos que se encontra na rua, ele não fez por mal.
 
Realmente ela estaria bastante preocupada, não parecia ter tido reações muito boas vindo das ultimas vitimas de Mudkip. O jovem olhava fixamente para ela, ainda estava um pouco sem ar após quase se afogar pelo movimento do pokémon aquático, lentamente ele se levantava se escorando no banco, em seguida viria a levantar a sua mão até a sua nuca, quando de repente a menina ficaria nervosa e assim dizia preocupada.
 
– Não machuque o Mudkip, por favor, ele não fez por mal, não o machuque, eu faço qualquer coisa, qualquer coisa!
 
Nunca veio em mente do garoto machucar um pokémon, ou qualquer outra pessoa, como também deixaria uma má impressão para as pessoas que passavam por ali os observando, recuando dois passos para trás, e com um sorriso sem graça em seu rosto, ele dizia.
 
– Espere, eu nunca machucaria ninguém... Mas já que está disposta a fazer qualquer coisa pelo erro de seu pokémon, o que acha de um treinamento dois versus dois?
 
A garota ficaria um pouco confusa após ouvir o pedido do coordenador, nunca ninguém teria reagido assim, geralmente ficavam nervosos e descontavam verbalmente ou fisicamente contra Mudkip, com seus próprios pokémons ou até mesmo usando de seus punhos, a sua mão passava em seu olho, retirando a lagrima que estaria se formando e futuramente iria cair independente da reação do coordenador.
 
– Muito obrigada, claro que eu aceito... Saia Wingull.
 
– Vamos Togedemaru e Rockruff, vamos vencer está batalha!
 
E assim a batalha entre os quatros pokémon se iniciaria, entre um lado parecia ter dois pokémons do tipo aquático, enquanto o outro teria um pokémon que tinha vantagem contra os dois tipos e outro desvantagem, poderia se dizer que a mesma estaria bem equilibrada. Enquanto nenhum fazia seus movimentos, ambos miravam suas pokédex nos pokémons desconhecidos, captando novas informações em seus aparelhos rubros.
 





 
– Vamos lá pequeninos, ambos utilizem de Water Gun, em adversários diferentes
– Foquem apenas um. Togedemaru Thundershock no Wingull, e Rockruff o atinja com Bite.
 
O primeiro turno da batalha iniciava, ambos oponentes utilizando de estratégias completamente diferente. Rockruff começaria a se mover rapidamente em direção de Wingull, pularia em sua direção com sua boca o acertava com uma mordida, a gaivota jogaria o cão para baixo de seu corpo quando logo o atingiria com um jato de água, o fazendo cair ao chão lhe causando um dobro de dano por conta de seu tipo. Enquanto isto Togedemaru também era atingido pela pistola de água, mas não tomando muito dano, quando de repente o choque lançado pelo mesmo atingiria o voador, que também seria do tipo aquático, tomando um dano quadruplo, o bastante para feri-lo muito com um único movimento.
 
– Os mesmos movimentos de antes, só que Rockruff, agora ataque com Tackle!
– Vamos fazer os mesmos que eles. Os mesmos movimentos, mas apenas foquem o Rockruff.
 
Ambos pokémons aquáticos se sincronizariam, pareciam de um movimento ensaiado, ambos jatos de água de juntariam e iriam de encontro com o corpo de Rockruff, lhe causando o dano o bastante para deixa-lo gravemente ferido, enquanto isto os pokémons de Lauts passariam a contra-atacar, desta vez Togedemaru atacaria primeiramente, atingindo o voador com outro choque lhe causando mais dano ainda, fazendo o mesmo perder o equilíbrio e ir direto ao chão, não parecia ter mais forças para voar. Enquanto Rockruff aproveitaria a pouca distancia para lhe atingir com uma investida, o deixando quase prestes a desmaiar, o pequeno pokémon mal conseguiria ficar de pé.
 
– Togedemaru, Tackle. Rockruff mude de foco, e use Sand-Attack.
– Derrotem este Rockruff, continuem com Water Gun!
 
Rockruff iria em direção de Mudkip, e com a terra que estaria ao chão jogaria em seus olhos, fazendo com que a sua precisão abaixasse drasticamente, enquanto Wingull ainda tentaria ter forças para atacar de seu adversário, que aproximaria de ti, o jato de água sairia e acertaria perfeitamente o Togedemaru, que não desistiria, o mesmo tomaria o dano enquanto continuaria a andar em direção de Wingull, e lhe atingiria com uma investida, o fazendo desmaiar.
 
– Descanse Wingull. Mudkip ataque o cão com seu Water gun.
– Rockruff, seja mais rápido, foque agora apenas em seu Sand-Attack, enquanto Togedemaru o ataque com Thundershock, vãos vencer isto sem a perda de ninguém!
 
Mesmo agora com dois versus um, a batalha estaria bem disputada, Rockruff estaria bem ferido enquanto Togedemaru mal parecia ter entrado em uma batalha. Rockruff se aproximaria de seu adversário antes mesmo que ele utilizasse de seu ataque, e continuaria a atingi-lo com a terra em seus olhos, dificultando ainda mais de se enxergar, e assim diminuiria as chances de ser acertado, o jato de água o atingiria de raspão, não lhe causando quase dano algum já que a porcentagem era bem pouca, quando sem que percebesse, Mudkip viria a ser atingido pelo ataque elétrico de Togedemaru.
 
– Acredito em vocês Mudkip, Water Gun!
– Mesmos movimentos, mesma estratégia, vamos!
 
Rockruff continuaria bastante próximo de Mudkip, mesmo ele tendo vantagem elemental contra ti não parecia temer, acreditaria nas palavras do coordenador, e novamente viria a atingi-lo com um ataque de terra, sempre dificultando sua visão, quando de repente o pobre pokémon aquático era atingido por outro choque. Já estaria ficando cansado, buscando atingir Rockruff utiliza outra vez de seu jato de água, mas erraria o seu alvo, talvez seria a sorte, mas o jato iria de encontro com Togedemaru, o atingindo novamente.
 
– Vamos derrota-lo agora, Togedemaru Thunder Shock, enquanto Rockruff utilize Bite!
– Acabe com Rockruff, Water Gun!
 
O coordenador não parecia estar mais preocupado com o ataque de Mudkip, o sinal era obvio, o fim daquela batalha. Correndo em direção de seu adversário o Rockruff lhe dava mordida, enquanto novamente Mudkip viria a errar seu jato de água, mas desta vez ela viria de encontro com o choque que estaria vindo a sua direção, apenas a vinte e cinco centímetros de ambos pokémons, resultando em uma pequena explosão, causando uma imensa fumaça cinza.
 
Sete segundos se passariam, a fumaça viria a se tornar menos densa, aos poucos poderia ver o que final de aquilo todo, Togedemaru teria saído ileso da explosão, já que estaria longe, enquanto os outros dois pokémons se encontravam inconsciente, Rockruff não parecia ter aguentado aquela pressão junto com Mudkip, mas parecia ter desmaiado um pouco depois de seu adversário.
 

Winners!
 
A vitória era para o jovem coordenador, enquanto a treinadora recolhia os seus pokémons para as suas pokébolas, mesmo tendo sido derrotada, ela não parecia deixar com que aquilo a lhe desanimasse, já que teria aprendido de algumas estratégias para serem usadas em batalha futuras, enquanto Lauts fazia o mesmo retornando seus dois pokémons para suas pokébolas, pra que os mesmos pudessem descansar.
 
– Acho que é melhor irmos para o centro pokémon.
 
– Concordo com você!
 
E após a batalha, o coordenador e a treinadora seguiriam andando para o centro pokémon, chegando lá explicavam o ocorrido para a enfermeira, que em seguida viria a tratar de todos os pokémons feridos ali, e assim os dois ficariam a esperar na sala de espera, que não demoraria tanto.
 
Quarenta minutos se passariam, e os pokémons de ambos já estariam completamente curados, era o bastante para deixa-los aos seus 100%. A treinadora um pouco com pressa de despedia de Lauts e assim seguiria a sua jornada, seguindo para a rota seguinte, enquanto o coordenador ainda ficaria preso por aquela cidade, ele estaria um pouco indeciso se seria o correto desafiar o palco ou não, já que os seus pokémons não demonstravam possuir muitos movimentos, e estes eram bastante essenciais para estes tipos de "batalha".

All pokémons healed.
 
Antes mesmo disto ocorrer, ele sairia pelas ruas querendo saber um pouco mais sobre estes desafios de palco, estaria dando tudo de si, para vencer a sua primeira 
Lauts
avatar
Mensagens : 34

Performer

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Lauts

Mensagem por Gust F. em Seg Nov 26, 2018 4:07 pm

Avaliação
História (0.9/2.0): Você está conseguindo, aos poucos, melhorar a descrição da sua história e começando a fazer plots um pouco melhor elaborados. Porém ainda sinto que falta você explorar as personalidades, tanto de seu personagem, quanto de seus pokémon. Procure dar sempre sentido para o que você está fazendo. Por exemplo: por que ele quer fazer os contests? Por que ele quer treinar? Por que ele está fazendo tudo isso?
Batalha (1.5/2.0): A batalha melhorou consideravelmente do último capítulo para este. Continue procurando sempre detalhar o máximo possível seus movimentos e como seus pokémon reagem em combate, isso sempre dá um up!
Ortografia (0.55/1.0): Você conseguiu melhorar um pouco a questão dos verbos, mas ainda é algo que me incomoda um pouco na hora de ler. Você ainda consegue variar um pouco mais. Por exemplo, no trecho que você escreveu "Era uma voz que ele escutaria vindo de longe, era a mesma que faria aquele jato de água parar, quando de repente uma menina iria se aproximando do coordenador, colocando sua mão na cabeça de Mudkip a fazendo baixar junto com a sua, e logo em seguida viria a se desculpar.", podia variar um pouco mais os verbos, dessa forma: "Era uma voz que ele escutou vindo de longe, era a mesma que fez aquele jato de água parar, quando de repente uma menina iria se aproximando do coordenador, colocando sua mão na cabeça de Mudkip, a fazendo abaixar junto com a sua, e logo em seguida viria a se desculpar.". Nesse parágrafo em especial não precisava mudar tanto, mas quando você repete esses erros pelo texto inteiro, começa a ficar um pouco cansativo a leitura.
Nota:
✮✮✮
Bônus:
Togedemaru ganhou 900 de Experiência e subiu para o nível 10! (100/600)
Aprendeu Rollout!

Rockruff ganhou 900 de Experiência e subiu para o nível 10! (400/600)

O(a) player recebe 150 de Exp de classe! (200/400)


Rockruff
Nvl: 10 (400/600)
Hp: 15/15


Togedemaru
Nvl: 10 (100/600)
Hp: 25/25

Recebeu uma Berry Juice.
Recebeu 510§.
Gust F.
avatar
Mensagens : 292

Gust

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Lauts

Mensagem por Lauts em Qua Nov 28, 2018 3:02 am



Capítulo 6 ~ Capturing and Training ~ Rota 32
Le futur phénix


ㅤㅤㅤㅤㅤㅤ O coordenador estaria em novas terras. Desde que tinha passado uns três dias na cidade, desde o começo de sua jornada, ele teria enjoado um pouco da cidade, e os pokémons habitados por lá, procurado mudar um pouco de sua rotina, caminharia até a rota sul. O sol ficaria mais forte quando mais se distanciava da cidade, como também a vegetação de certa forma iria mudando vagorosamente, aos poucos Lauts estaria a caminhar sob areias, mas estas não de praia, e sim de um deserto que não se via o fim.
 
 Parando debaixo da sombra de uma gigante rocha, tiraria o tempo para descansar. Olhando para o além, teria uma resposta do mesmo, sem questionar nada, "-porque não começar a treinar para os desafios de palcos? Movimentos orquestrados para mostrar de suas belezas interiores... A fusão de duas técnicas distintas, se tornaria algo radiante..." e assim ele decidiria utilizar o Togedemaru como seu pokémon-beta para conquistar sua primeira chave, de certa forma, teria uma grande vantagem com ele, já que seria com pokémons elétricos, sua especialidade.
 
Vamos treinar um pouco para o palco. Você será a minha arma secreta.
 
Encerrando o seu dialogo com um sorriso. Encostado naquela rocha, olhando diretamente para Togedemaru, calculando o tamanho de seu corpo, de seus movimentos que possuía, tudo o que era possível para se utilizar em sua apresentação, ele teria que usufruir de todas as características de seus pokémons, caso não quisesse ter o risco de perder.
 
– Teremos que improvisar durante nossa apresentação, quero que comece a rolar pelo deserto, tente criar uma onda de areia, por isto não pare de se movimentar em sua velocidade máxima!
 
A ordem era dada para o pokémon, que passaria a rodar pela areia em questões de segundo, mantendo inicialmente uma velocidade apenas de 2m/s, e aumentando gradualmente. A areia deixada para trás, enquanto no início apenas subiria até a metade de seu corpo, quando sua velocidade iria se tornando maior, a mesma iria se estendendo mais ainda, até que começaria a cobrir completamente o corpo de Togedemaru, se o mesmo parasse de se movimentar ou apenas baixasse sua velocidade, poderia ser engolido por toda aquela areia. Mantendo uma velocidade de 8m/s ele continuaria a rodear pelo deserto, parecia estar acostumado com aquele tipo de movimento, já que não viria a ficar zonzo ou ter qualquer sintoma similar a isto, uma onda perfeita era criada, tendo quase o quadruplo de seu tamanho, não era algo considerável grande ao ser comparado com o coordenador, mas de certa forma era algo bonito de se ver.
 
Se fazia apenas um minuto e quatorze segundos que Togedemaru teria começado a correr por aquele deserto, o seu corpo já iria ficando cansado por praticar aquilo por um longo tempo não acostumado, caso não quisesse que seu movimento se tornasse um fracasso, o jovem teria que pensar algo rápido, e era nisto que estaria preocupado, pensando em que pudesse fazer para que o seu pokémon não fosse nocauteado pelo seu próprio movimento.
 
– Utilize Thundershock para trás diversas e diversas vezes.
 
Togedemaru ficaria um pouco confuso após ouvir a ordem de seu dono, mas faria o que era ordenado, com pequenos choques passaria a atingir a onda de areia, que iria se tornando ainda maior, como também faíscas enormes poderiam ser vistas, a cada carga de choque mais iria se expandindo e se tornando ainda mais perigosa, Lauts ainda manteria um sorriso em seu rosto, quando veria a ultima carga de choque lançada em direção da onda, a mesma faria com que ela explodisse, não parecia ter aguentado todos aqueles ataques e fazia com que a explosão se tornasse em únicos grãos de areias, nada de perigoso, fazendo com que a aquela onda se dispensasse.
 

Trained!
 
– Volte pra sua pokébola, descanse um pouco.
 
Dizia o coordenador vendo que seu pokémon realmente estaria exausto, e esperaria que o mesmo descansasse, já que não sabia quando iria precisar dele novamente. Após que o mesmo entrasse em sua esfera, de repente uma segunda presença poderia ser sentida pelo homem, o pokémon desconhecido parecia estar esperando uma brecha, voando em direção e rapidamente tentaria lhe atingir com uma investida.
 
Por sorte de ter sentido sua presença durante o ataque, Lauts conseguiria prever de seus movimentos, com um ligeiro pulo recuando conseguia se esquivar, sem ter tempo para escolher qualquer pokémon, pega a pokébola que continha Rockruff e o libertava, enquanto com sua pokédex, pegaria informações sobre o pássaro, e os dois, entrariam em uma batalha.
 
      
 
– Rockruff, comece com Tackle!
Fletchling utilizará Growl.
 
A luta entre os dois pokémons se iniciaria do nada, sem ao menos ter chance de conversas entre os dois lados, Fletchling passaria a rosnar para Rockruff, de certa forma o intimidando como também abaixando suas estatísticas de ataque, podendo deixar o cãozinho de certa forma em desvantagens caso continuasse desta maneira, mas sem perder tempo algum, Rockruff pularia em direção do pássaro e lhe acertaria com uma investida.
 
Fletchling atacará com Tackle.
– Rockuff o acerte com Bite, enquanto ele tenta lhe atacar.
 
Enquanto ainda fora do chão, Fletchling voaria em direção de seu oponente e com o seu corpo lhe acertaria com uma investida, o acertando bem em sua costela, quando de repente o pássaro era pego por uma mordida, e logo em seguida lançado de encontro com o chão, o machucando bastante, mas a batalha estaria bem disputada entre os dois, já que ninguém obtinha uma vantagem "elemental" sobre o outro, a única diferença ali, seria dos nivelamento entre ambos pokémons.
 
– Tackle novamente!
Fletchling atacará com Tackle.
 
Ambos pokémons estariam a mais ou menos sete metros de distância, eles correriam em direções contrárias, se aproximando um dos outros com intuito de utilizar do mesmo movimento, os corpos eram jogados um nos outros, sendo atingidos por uma investida e causando um bom dano, mas a vantagem ainda parecia ser do pequeno cão, mesmo tendo o seu ataque reduzido no começo do turno.
 
– Utilize Leer, antes de atacar novamente...
Fletchling continuará a atacar com Tackle.
 
O passarinho não parecia ter muitas opções de ataque, enquanto combatia o encarar de seu adversário, voaria em sua direção, com a sua defesa sendo abaixada, comparando com o seu primeiro movimento, "anulando" o ataque reduzido de Rockruff, quando lhe atingiria com uma investida com sucesso, se manteria próximo de seu adversário para o seu próximo movimento.
 
– Bite, ataque primeiro!
Fletchling atacará com Tackle.
 
Estariam próximo um dos outros, Fletchling voaria em direção de seu adversário para lhe atingir novamente com uma investida, quando de repente ele que seria atingido por uma mordida de seu oponente, não estaria em boas condições e após ser atingido por aquele golpe, ficaria inconsciente e cairia ao chão, sem ao menor ter mais forças para continuar a andar, dando a vitória para Rockruff.
 
Winner!
 
Ter dado um tempo para a cidade teria sido a melhor escolha para o coordenador, teria conquistado novas ideias para o futuro desafio no palco, como também teria acabado de derrotar um pokémon voador, e ainda pensaria se realmente compensaria captura-lo, mas veria que sua cadeia evolutiva era realmente boa, e também tinha uma beleza única.
 
Pegando de uma pokébola vazia, ele jogaria em linha reta na direção do pokémon já inconsciente, movendo de um lado para o outro, rodeando em um pequeno buraco de areia, em menos de dois segundos daria sinal que teria sido capturado com sucesso.
 
(M)
Captured!


O quinto pokémon de sua equipe, era um pequeno pássaro 'Fletchling' que futuramente se tornaria uma poderosa águia, Lauts lutaria para que isto acontecesse, como também se esforçaria para que seus outros pokémons atingissem o sucesso. Após a captura do novo integrante de sua equipe, ele retornaria para a cidade, os seus pokémons se encontravam cansado, como o próprio coordenador, não conseguindo ver o fim do deserto e em breve a escuridão reinaria, decidiria voltar, seria a opção mais sensata a escolher...
Lauts
avatar
Mensagens : 34

Performer

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Lauts

Mensagem por Gust F. em Qua Nov 28, 2018 3:54 am

Avaliação
História: Além de tudo o que eu já vim falando pra ti sobre a história, aqui você optou por fazer algo diferente e, por isso, talvez seja melhor você treinar melhor a forma como você faz, que é a questão do treinamento de coordenação. Por mais que não tenha ficado ruim, ficou pequeno. Ao meu ver você podia ter testado outras possibilidades além de só duas, para de fato aprimorar mais.
Batalha: Ao meu ver o nível das batalhas segue o padrão da anterior, não houve perdas e nem melhorias, mas também não deixa de estar bom.
Ortografia: Senti que aqui você conseguiu melhorar os pontos que eu destaquei anteriormente, flexionando mais os verbos e até repetindo menos as palavras. Como tudo, há sempre o que melhorar, mas como você não está no famigerado ENEM, mantendo este padrão de escrita já está ótimo!
Nota:
✮✮
Bônus:
Togedemaru ganhou 600 de Experiência e subiu para o nível 11! (100/700)

Rockruff ganhou 600 de Experiência e subiu para o nível 11! (400/700)

O(a) player recebe 100 de Exp de classe! (300/400)


Rockruff
Nvl: 11 (400/700)
Hp: 16/16


Togedemaru
Nvl: 11 (100/700)
Hp: 27/27


Fletchling
Nvl: 9 (0/500)
Hp: 14/14

Recebeu uma Fire Gem.
Gust F.
avatar
Mensagens : 292

Gust

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Lauts

Mensagem por Lauts em Sab Dez 01, 2018 4:13 pm



Capítulo 7 ~ Capturing ~ Oceanid City
Le canard bleu


– Estamos chegando Misdreavus?
 
– Miss, miss!
 
O coordenador teria se perdido durante a sua volta para a cidade, e teria pedido a ajuda para Misdreavus, que por enquanto, estaria o guiando para o caminho certo, estariam em uma escuridão profunda, sendo iluminados por pequenas estrelas espalhadas pelo céu de seu planeta. Um tempo depois, as estrelas não seriam as únicas que estariam a iluminar o caminho do coordenador e seu pokémon, logo a frente ele poderia ver as luzes vindo de algumas casas, e como também dos dois postes encontrando logo na entrada da cidade, sem demorar muito, junto com seu pokémon ele entraria a cidade.
 
A noite estaria calada, eram poucas pessoas que poderiam ser vistas pelas ruas, visto que a grande maioria delas já deveriam estar descansando para o dia seguinte. O coordenador tentaria se relembrar do caminho até o centro pokémon, não tentando depender muito de seu pokémon, olhando para a sua direita ele veria a praia, com o reflexo do mar copiando o céu. Antes de continuar a prosseguir sua jornada, decidiria parar um pouco para admirar a beleza daquele local, se sentando na areia, enquanto seu pokémon ficaria flutuando em seu ombro.
 
– MISSSSSSSSSSSS!
 
O colar de Misdreavus começaria a brilhar, enquanto ela segurava a cabeça de seu coordenador e imediatamente a viraria, mostrando cinco pessoas reunidas e no centro um pokémon desconhecido, elas estariam segurando de algumas aparelhagens estranhas, quando de repente uma rede era lançada no pequeno patinho azul, o capturando de uma forma não muito legal, já que mal teria chance de lutar.
 
Todos partiriam para lugares opostos, enquanto levaria o pokémon selvagem pela rede, o arrastando pela areia e de certa forma o machucando, sem pensar duas vezes, Lauts começaria a segui-lo e iriam em direção da cidade, os levando até um beco. Ducklett estaria desesperado, não sabia o que estaria a acontecer naquele momento, se retorcia em volta da rede tentando se soltar, quando de repente o desconhecido ligaria para alguém, e dizia.
 
 
– Estou no local com o Ducklett, cadê você?
 
– Chego em quinze minutos.
 
Caso o coordenador fosse tentar algo, teria que ser dentre este tempo, já que não teria chance contra duas pessoas, e aquela parecia ser perigosa, além de ter algumas aparelhagens um pouco estranhas presa em seu corpo, o jovem tentaria montar uma estratégia, assim chamando Misdreavus e lhe dando uma ordem.
 
– Tente distrai-lo.
 
E neste momento, Misdreavus passaria pelas paredes, chegando até as costas de seu alvo, enquanto Lauts cuidadosamente esperaria a ação de Misdreavus, que lentamente iria se aproximando do inimigo e logo em seguida aparecia em sua frente, o coordenador não conseguiria ver o que Misdreavus estaria a fazer, mas viria a cara do homem, estaria completamente assustado e sem pensar duas vezes começaria a correr esquecendo de Ducklett, naquele tempo Lauts correria até o pokémon imobilizado e o desamarraria da corda, quando de repente ouviria uma segunda voz, sem pensar duas vezes o agarraria e se jogar junto com o mesmo para dentro de uma lixeira.
 
– CADÊ MEU POKÉMON?
 
Poderia se ouvir uma voz bem diferente do que teria saído do celular, era a voz de uma mulher que parecia estar bem nervosa, o homem não sabia o que tinha acontecido ali, enquanto Lauts segurava Ducklett para não se mexer e chamar muita atenção.
 
– O QUE ESTÁ FAZENDO PARADO AQUI, VÁ PROCURAR POR ELE!
 
O homem a pressas correria para fora do beco, enquanto poderia se ouvir os passos da mulher em um salto-alto se afastando aos poucos, quando de repente poderia se ouvir duas batidas na caixa de lixo e a voz de Misdreavus, dizendo que estaria limpo por ali. E assim o jovem levantaria a tampa junto com Ducklett, que logo o analisaria em sua pokédex e o colocaria ao chão, quando de repente as asas do pequeno pato começariam a bater, e voaria em direção de Lauts, bem a sua cabeça o fazendo cair de bunda ao chão, quando logo ouviria.
 
– DUCK, DUCK!
 
Enquanto lagrimas acompanhavam com suas falas, o pequeno pato parecia querer se juntar ao coordenador, já que não tinha ninguém a acompanhar, como também o medo que o mesmo tinha passado minutos atrás o levaria a esta escolha. O jovem não parecia aguentar aquilo, e assim pegaria de sua pokébola, enquanto dizia para Ducklett.
 
– Tudo bem pequenino Ducklett, se tu me escolheu como seu coordenador, assim será.
 
A pokébola atingia o pequeno corpo do pássaro, e quase instantaneamente daria sinal que o mesmo tinha sido capturado com sucesso, o seu desejo de ser capturado naquele momento por uma pessoa boa parecia ser grande, era como se ele tivesse sido salvo ou algo aparecido. E assim se preparavam para partir, de repente ouviriam um barulho vindo as suas costas, será que poderiam ser aqueles que estavam à procura de Ducklett, ou apenas um pokémon selvagem esgueirando pelos becos?

(F)
Captured
Lauts
avatar
Mensagens : 34

Performer

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Lauts

Mensagem por Gust F. em Sab Dez 01, 2018 9:41 pm

Avaliação
História: Eu percebi que houve de você um esforço para tentar fazer um plot diferente do que você andava fazendo até então, porque anteriormente você apenas encontrava, aleatoriamente, um pokémon ou um treinador e travava uma luta. Mas, apesar de você fazer algo diferente e com uma base interessante, você poderia ter aproveitado muito melhor o plot que você montou. Lembre-se que você é livre para fazer o que quiser, se prender no clássico arroz e feijão pode ser um tiro no pé!
Batalha: N/A
Ortografia: Senti que você voltou a repetir alguns erros que fazia tempo que não cometia. O mais grave deles foi a repetição exagerada de algumas palavras, sendo que a maioria poderia ser evitada. Tente tomar cuidado com esses erros, pois fazia tempo que eu não os via em sua jornada!
Nota:
✮✮
Bônus:

O(a) player recebe 100 de Exp de classe e sobe para o nível 5! (0/500)


Ducklett
Nvl: 9 (0/500)
Hp: 23/23

Recebeu uma Love Ball.
Perdeu uma Poké Ball.
Gust F.
avatar
Mensagens : 292

Gust

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Lauts

Mensagem por Lauts em Dom Dez 02, 2018 4:46 pm



Capítulo 7 ~ Trainning~ Oceanid City [PRESENTE]
L'allée de Vénus


"Será que eles voltaram? E agora, pra onde devo ir?"

Era o pensamento de Lauts, ao ouvir os ruídos das latas caindo de encontro ao chão, logo em seguida sentindo um odor forte o bastante para deixa-lo sem ar junto com seus pokémons, por extinto eles iriam se afastando quando veriam que aquele odor iria criando uma cor um pouco mostarda. Observando aquilo com um estranhamento em seus olhos, se deparariam com uma pequena esfera, que estaria entre o lixo, e em sua volta a cor daquela "fumaça" estava ainda mais densa, sem pensar, o coordenador miraria sua pokédex para o desconhecido procurando captar informações.
 
#109 Analisado
 
Koffing, este era o seu nome segundo a pokédex. O barulho da pokédex parecia irrita-lo um pouco, as latas de lixo em sua volta eram jogadas contra as paredes, quando Koffing ficaria a flutuar olhando fixamente para o coordenador, com um olhar bravo e não parecia que iria desistir, mesmo vendo dois pokémons em sua frente.
 
– KOFFFINGG!!!
 
E após o seu grito de fúria, todo aquele beco era inundado pela fumaça, o coordenador começaria a correr, junto com seus pokémons, não conseguiria ficar naquela fumaça respirando por muito tempo, até porque parecia ser algo impossível, cruzava becos logo em seguida de outros becos, sendo perseguido por aquele pokémon, que quando estivessem em locais fechados, teriam vantagem por conta de seu gás venenoso.
 
O fim do beco já poderia ser visto, por conta da claridade de alguns postes de luzes, ele rapidamente caia no chão tendo um ar puro para se respirar, mas Koffing não teria desistido de persegui-lo e iria se aproximando mais ainda de seu alvo, quando de repente era atacado por Misdreavus, por uma onda psíquica sem ao menos ser ordenado pelo seu coordenador, com o intuito de protege-lo, a lealdade entre aqueles dois eram grande.
 

– Muito obrigado Misdreavus, aproveite e o ataque com Psywave!
Koffing atacará com Poison Gás.
 
Antes da batalha se iniciar, o pokémon produtor de gás era atingido por um ataque psíquico, tendo esta pequena desvantagem em termos de sua vitalidade, mas não pararia de produzir o seu gás, faria o que faz de melhor, inundando o local de fumaça venenosa, não sendo tão eficiente iguais aos becos, já que aos poucos o gás era desfeito por conta do ar. Enquanto isto, Misdreavus começaria a preparar de seu ataque, estando a mais ou menos quatro metros de seu adversário, o atingi com uma onda psíquica.
 
– Antonish!
Koffing atacará com Poison Gás.
 
Koffing continuaria a utilizar o seu gás venenoso, fundindo com o antigo e deixando ainda mais potente, era o bastante para ferir mais um pouco do pokémon selvagem, que abriria de sua boca e começaria a gritar, ferindo um pouco do pokémon venenoso, mas não dando um dano considerável igualmente ao anterior.
 
– Termine com Psywave.
Koffing atacará com Tackle.
 
Novamente o pokémon venoso começaria a se movimentar antes mesmo do fantasma, jogaria o seu corpo em direção de Misdreavus, mas por falta de conhecimento, ataque físicos não lhe afetavam, atravessando de seu corpo, quando de repente uma onda psíquica passaria a ser concentrada pelo fantasma, e atingindo o pequeno Koffing, o lançando de volta para os becos já inconsciente.
 
Misdreavus Wins

 
Aquela fumaça lançada pelo Koffing, traria pequenas dor de cabeça para o coordenador e seus pokémons, era toxica e por isto era um pouco perigosa caso continuasse a inala-la, talvez Misdreavus estaria um pouco ferido por luta-la embaixo dê-la para derrotar de seu adversário, com as pokébolas de seus pokémons Lauts os retornaria para que se descansassem, pois já estariam bastante exausto naquela noite.
 
Ducklett e Misdreavus retornariam para suas devidas esferas rubras, enquanto Lauts as guardava em um local bem seguro de suas vestimentas, seguiria a andar em direção ao centro pokémon, aonde ele solicitaria para enfermeira pra que os curassem e tiraria um pouco da noite para descansar, antes que amanhecesse. 
Lauts
avatar
Mensagens : 34

Performer

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Lauts

Mensagem por Gust F. em Seg Dez 03, 2018 1:06 am

Avaliação
História: Eu sinceramente gostei da forma como você usou o plot da jornada passada para continuar esse, mesmo sabendo que esse era seu plano desde que começou a escrever aquela. Ainda acho que seu plot tá pecando um pouco pela basicidade, mas isso você consegue ir melhorando com o tempo. Você está conseguindo crescer na forma como você escreve seus capítulos e eu que você continue nesse ritmo crescente cada vez mais!
Batalha: A batalha foi simples e curta, com alguns pontos positivos e outros negativos. Primeiro eu gosto da forma como você narra os movimentos, porém acho que ainda está muito simples e que tem como você dar o famigerado up nas descrições. Por outro lado, eu gostei bastante de ver como você justificou a baixa precisão do Poison Gas como ele se dissipando no ar. Porém, a narração do segundo turno do seu combate ficou extremamente confusa, tanto que eu reli umas 4 vezes e mesmo assim não consegui entender.
Ortografia: Novamente notei a repetição desnecessária de algumas palavras e a substituição de pontos por vírgulas, nenhum erro de fato grave que comprometa o entendimento da jornada (exceto o que eu já comentei sobre o segundo turno da sua batalha.
Nota:
✮✮✮
Bônus:
Misdreavus recebeu 900 de Exp e sobe para o nível 13! (400/900)

O(a) player recebe 150 de Exp! (150/500)


Misdreavus
Nvl: 13 (400/900)
Hp: 15/23 [Poisoned]
+10 Happiness;

Recebeu os presentes Rosa (2x) e Vermelho!
Recebeu uma Oran Berry.
Gust F.
avatar
Mensagens : 292

Gust

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Lauts

Mensagem por Lauts em Seg Dez 03, 2018 9:04 pm



Capítulo 8 ~ Trainning~ Oceanid City [PRESENTE]
Hommes méchants



All Pokémons Healed
 
Acordando com pequenas cutucadas em volta de seu corpo, se deparava com o formato de um humano, com sua visão desembaçando aos poucos quando iria acordando por dentro. Três segundos depois veria que é uma criança, a mesma que ele teria batalhado alguns dias atrás quando teria se tornado de um coordenador, deixando as seguintes perguntas na mente de Lauts – Revanche, Vingança, Treinamento? – era as únicas opções que ele pensaria daquele jovem, já que não teria outros motivos para procura-lo novamente.
 
– Encontrei você! Vamos para fora daqui e batalhar, desta vez eu ganharei!
 
A criança com sua maior qualidade, o seu otimismo abundante, que também poderia se tornar um defeito. Dormir naquelas cadeiras do centro pokémon estaria se tornando rotina para o coordenador, lentamente iria se levantando e olharia nos olhos da criança de cima, colocando a mão em sua boca ele dizia após um longo bocejo.
 
– Não querendo te desanimar, mas não estou no animo de batalhar agora... Então vá achar outra pessoa para você brincar.
 
De certa forma, deixava a criança mais irritada do que desanimada, e a mesma começaria a encarar o coordenador fixamente, e fazendo uma cara estranha, não parecia que desistiria tão fácil. Quando repentinamente Misdreavus passaria por dentro de seu corpo, e apareceria em sua frente, logo em seguida de um "- Boo..." fazendo a criança correr assustada, pois a cara que o pokémon teria acabado de se fazer, não era nada amigável, e ela parecia se divertir bastante com aquilo.
 
– Misdreavus, já te falei para não assustar as pessoas assim, principalmente crianças!
 
Logo em seguida Misdreavus recebia um carinho em sua cabeça, talvez o coordenador estaria o educando de maneira errada, lhe dando um carinho após de um sermão, mas o jovem não parecia conseguir ficar bravo com seus pokémons por muito tempo. Quando de repente os seus pokémons apareceriam na sala de espera, e assim saltariam em direção de seu dono, felizes por reencontra-los, quando a enfermeira do centro pokémon dizia.
 
– Eles estavam curados a um tempo, não quiseram acordar você. Você já pode partir para sua jornada, e eu preciso voltar para meu trabalho... Até mais!
 
E assim a enfermeira voltaria para o seu trabalho, curando os pokémons que iriam aparecendo, enquanto isto Lauts decidiria seguir o que era falado por Chloe, e assim sairia pela porta da frente, seguindo em direção da praça para brincar um pouco com seus pokémons, desejando um dia de descanso para ele e seus companheiros.
 
– Pare com isto, ele é meu!
 
A voz era reconhecível, a mesma criança que o jovem coordenador teria batalhado e viria a reencontra-lo no centro pokémon, e ele não era o único a ouvir, como também as outras pessoas que passavam pelo local conseguiriam, mas pareciam ignorar pelo único fato das pessoas que estariam envolvidas naquilo. Quanto mais se aproximava dos gritos apavorados da criança, o tom do colar de Misdreavus iria se tornando ainda mais forte, e ele poderia conseguir ver aquela energia sendo drenada aos poucos, mas não se preocuparia com aquilo por enquanto, se aproximando o suficiente veria o garoto sendo intimidado por dois homens, que estariam vestidos todos de pretos e como também teria algumas tatuagens por todo o seu corpo, aquela cidade parecia ter muitas máfias segundo Lauts, já que teria encontrado várias pessoas perigosas em seus primeiros dias como coordenador.
 
– Fletchling e Ducklett, façam algo!
 
Os dois pássaros eram ordenados, voariam em direção dos homens que estariam atacando o garoto e os afastariam, o coordenador sem pensar duas vezes correria em direção de seu "rival" e pararia em sua frente, tornando-se um escudo para o mesmo, enquanto os seus pokémons faziam o mesmo para o seu dono.
 
– Como ousa nos atacar?!
 
– Atacarei novamente se tentar ataca-lo, se forem embora, não chamarei a polícia.
 
– HAHAHAHA... Não tememos a polícia, agora é melhor você se preparar pirralho.
 
O homem daria sinal que cuidaria de tudo ali, então dando dois passos para frente lançaria um pokémon, o mesmo era pequeno, mas mantinha uma posição de um lutador experiente, sem esperar muito o Coordenador pegaria de sua pokédex e analisaria o pokémon. –#066 REGISTRADO Machop – enquanto isto, Lauts daria a ordem para que Ducklett entrasse no campo de batalha.
 

– Ducklett, inicie com Water Gun!
O que está esperando Machop? Low Kick!
 
O primeiro turno se iniciaria, Machop correria em direção de seu adversário e com um poderoso salto conseguiria acerta-lo seu oponente com um chute razoável, enquanto ainda no ar, Machop era pego por um impulso de água lançado pelo pato, por sua sorte, conseguiria cair de pé no chão e assim se prepararia para o próximo movimento.
 
– Ducklett, espere ele lhe atacar, e o atinja com Wing Attack.
  Katatê Chop, vamos!
 
Com a ordem de seu dono, Ducklett ficaria batendo suas asas no ar, esperando pelo ataque vindo de seu adversário, por conta do homem mal não ter paciência, Machop correria em direção de seu alvo e lhe acertaria com outro golpe, mas logo em seguida era atingido por um golpe área, com as asas de Ducklett lhe acertando, em seguida era lançado em direção ao chão, e o dano causado era o dobro.
 
– Ducklett, desta vez use Water Gun!
Katatê Chop, vai logo!
 
Parecia que os movimentos de Machop viriam a ser por obrigação, dando a observação dos comandados dados pelo seu dono. Ducklett seria o primeiro a atacar neste momento, com um impulso de água acertaria o pokémon lutador, quando de repente Machop iria se aproximando do pássaro e lhe acertar com um golpe com a sua mão direita, um movimento vertical de cima para baixo, acertando suas asas.
 
– Acabe com isto, Wing Attack!
Low Kick, vamos!
 
Machop pularia em direção de Ducklett com o seu pé para lhe acertar com um único movimento, enquanto Ducklett voaria para o alto procurando distancia, neste meio tempo dando distancia o suficiente para que não fosse atingido pelo ataque físico de seu adversário, quando de repente o lutador era pego pelo golpe aéreo, desmaiando logo em seguida.
 
Ducklett Wins!

 
O homem revoltado retornaria o pequeno Machop para a sua pokébola, mesmo inconsciente ele era alvo de xingamentos, por conta de ter perdido contra um pokémon que obtinha vantagens contra ele. Quando de repente ele pegaria uma nova pokébola, e lançaria para o campo de batalha, neste mesmo tempo liberando um novo pokémon, –#056 REGISTRADO Mankey – o seu nome era Mankey, também se tratava de um pokémon lutador, que parecia ser sua especialidade. Olhando para Fletchling, daria sinal para que o mesmo trocasse de lugar com Ducklett, enquanto deixaria com que o pequeno pato, descansasse um pouco no lado de Lauts.
 

Fletchling ataca com Quick Attack.
Não seja um inútil que nem seu amigo, Scratch!
 
Fletchling era um pokémon rebelde, pelo menos era uma de suas personalidades. Sem que ao menos Lauts lhe desse uma única ordem, Fletchling voaria em direção de Mankey e com o seu corpo lhe atingiria com um ataque rápido, lhe causando um bom dano, quando de repente o mesmo era atingido por um arranhão vindo daquele bicho redondo com pernas e braços.
 
– Fletchling, por favor, siga minhas ordens. Continue com Quick Attack!
Aproveite que ele está incontrolável, Low Kick!
 
O coordenador tentaria dialogar com seu pokémon, que não seguia de suas ordens, mas parecia ser algo inútil, após ouvir a ordem de seu dono ele optaria por utilizar de outro movimento, jogaria o seu corpo em direção de seu adversário e lhe acertaria com uma investida, quando de repente o mesmo era atingido por um chute bem em seu rosto, o lançando para longe.
 
– Não venceremos se continuar assim... Confie em mim Fletchling, me deixe ajuda-lo, evolui-lo, lhe fortalecer! Vamos, escute as palavras que te levarão a evolução, Quick Attack!
HAHAHAHA... Como ousa entrar em uma batalha se seu pokémon nem lhe obedece? Mankey, o ataque com Scratch!
 
Fletchling ficaria parado por alguns segundos, no movimento passado que não teria ouvido de seu novo dono, o mesmo teria apanhado, como também de suas palavras motivadores lhe criariam novos trajetos em sua mente, evoluir não parecia ser uma escolha tão ruim, mesmo que não fosse naturalmente... Mankey aproveitaria este tempo para aproximar, e assim jogaria seus braços para lhe acertar com um arranhão, quando de repente a ordem dada por seu coordenador naquela batalha abriria um clarão em sua mente, rapidamente desaparecia da vista do lutador e reapareceria em sua esquerda, lhe acertando com uma taque rápido.
 
– Boa Fletchling, agora ataque com Tackle!
Mankey, o ataque com Low Kick!
 
O homem teria se calado, felizmente Fletchling começaria a seguir as ordens de seu dono no meio da batalha, enquanto isto, Mankey faria o que era mandado, ambos pokémons correndo em direções diferentes, a cada segundo se aproximando um dos outros, e neste momento se colidiam cada um com um ataque diferente, após isto, ambos se recuariam com o impulso de seus golpes um pouco ferido.
 
– Finalize isto com Quick Attack
Esquive-se Mankey, e o ataque com Low Kick novamente!
 
A batalha já parecia ter sido decidida, o lutador não parecia estar em boas condições, mesmo tendo uma reviravolta no meio da batalha no lado de Fletchling. Mankey com um olhar morto se manteria em Fletchling, que se aproximava lhe desaparecendo de sua visão aos poucos, quando de repente ele estaria em sua frente lhe acertando com um ataque rápido, o lançando contra uma árvore e o fazendo desmaiar.
 
Fletchling Wins!

 
O coordenador teria conseguido vencer a primeira batalha com sucesso, o homem ali derrotado retornaria o seu pokémon para a sua pokébola, já calado, parecia ter perdido de sua dignidade, mas ainda lhe restaria o outro homem, que sempre teria se mantido quieto desde o começo da batalha, ele tinha um ar de misterioso. Será que Lauts continuará aquela batalha usufruindo de seus outros pokémons? Ou procuraria algum método de fuga?
Lauts
avatar
Mensagens : 34

Performer

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Lauts

Mensagem por Arceus em Ter Dez 04, 2018 7:21 pm


Avaliação:
✮✮✮

Fiquei com muita duvida sobre como te avaliar, se ia ser no modo honesto ou no modo gentileza, porem, como quero ver-lo evoluindo vou ser BEM honesta. Primeiramente quero começar com o fato do seu texto ser muito massante, ou seja, chato de ler, e ao mesmo tempo não ter quase nenhum avanço. Você ficou quatro parágrafos basicamente apenas para dizer que um garoto te acordou... Segundo ponto é que suas batalhas são bem simples, até ai não é nenhum problema é coisa minha mesmo, eu prefiro algo bem mais detalhado e dinâmico, o fato aqui nessa parte é o pequeno detalhe que você assim como muitos jogadores ignoram que tem um cenário em volta. Eu sei que a batalha é o ponto principal, porem, ignorar o cenário a volta pode ser bem ruim, por exemplo: o garoto vai ficar ali parado sem fazer nada? E as pessoas a volta?
Outra coisa, nunca mude de assunto do nada. "A criança com sua maior qualidade, o seu otimismo abundante, que também poderia se tornar um defeito. Dormir naquelas cadeiras do centro pokémon" Você primeiro falou da criança e do nada começou a falar do CP, quando for fazer isso crie uma transição ou mude de paragrafo. Fazer esses "cortes secos" piora ainda mais a leitura do texto.

Ducklett ganhou 900 de Experiência e subiu para o nível 10! (400/600)
Fletchling ganhou 900 de Experiência e subiu para o nível 10! (400/600)


Ducklett
Asas doloridas devido aos golpes.
Nvl: 10 (400/600)
Hp: 18/25
+10 Happiness;


Fletchling
Corpo dolorido por conta das pancadas que deu em seu oponente.
Nvl: 10 (400/600)
Hp: 10/15
Aprendeu Peck!
+10 Happiness;


O(a) player recebe 150 de Exp de classe! (300/500)

Item: Pink Apricorn
Recebeu $540
Presentes: 3 Rosa
Arceus
avatar
Mensagens : 617

Arceus

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Lauts

Mensagem por Lauts em Sab Dez 08, 2018 6:22 pm



Capítulo 8 ~ Trainning~ Oceanid City [PRESENTE]
Hommes méchants II



O derrotado se calava, e o homem misterioso entraria em seu lugar, enquanto rodava as esferas rubras em suas mãos parecendo estar a brincar, enquanto olhava diretamente nos olhos do coordenador e de certa forma, o amedrontando um pouco. Lauts não sabia o potencial daquele oponente, mas sentia que o mesmo era bem forte, por isto teria que tomar o bastante cuidado contra ele.
 
– Saia da pokébola Yamask.
 
Em sequência o coordenador miraria de sua pokédex no pokémon e assim analisaria as informações de seu pokémon, e registrando em sua pokédex [#562 - Yamask]. E assim o jovem ficaria na duvida em que pokémon utilizaria contra aquele pokémon fantasma, sem pensar muito, ele rapidamente libertaria Lotad.
 
– Antonish!
– Vamos lá Lotad, comece com Absorb.
 
Um grito insuportável sairia da boca de Yamask, afetando a pequena vitória régia que estaria apenas a sete metros de distância, aquele era de um ataque sombrio que Lotad conhecia muito bem, o pokémon grama em sequência, começaria absorver a energia vital de seu adversário, mas não parecia drenar o suficiente para "curar" do dano tomado.
 
– Antonish!
– Vamos usar a mesma estratégia, Antonish.
 
O pokémon fantasma parecia ter passado anos sendo treinado, apenas obedecia a uma única palavra dada pelo seu dono, e assim começaria a gritar sem parar enquanto Lotad fazia o mesmo. O campo de batalha se tornaria algo difícil de se ouvir, é algo que irritava os tímpanos de Lauts, já para o seu adversário não parecia afetar, pois se encontrava com um aparelho que abafava o barulho em seus ouvidos, isto lhe daria uma grande vantagem.
 
– Antonish!
– Continue Lotad!
 
O coordenador já estaria surdo por aquele momento, não conseguiria ouvir muito bem, mas a audição de Lotad ainda parecia estar intacta, mas estaria sendo bem afetado contra os ataques de seu adversário, que sempre era o mesmo. Ambos pokémons reutilizariam do mesmo movimento, e pareceria que continuariam assim até o final da batalha, mas infelizmente o pokémon sombrio parecia tomar o dano em dobro, por conta da desvantagem natural contra o tipo sombrio, e novamente os dois começariam a se atacar, e Lotad tomando uma vantagem contra seu adversário.
 
–  Continue!
– Acabe com isto Lotad, Antonish!
 
E o último turno aconteceria, desta vez a pequena vitória régia parecia iniciar o seu movimento primeiro que o adversário, mandaria uma grande gritaria em direção do fantasma, o afetando bastante para que o fizesse desmaiar, logo em seguida Lotad cairia também, o mesmo não parecia estar muito bem após aquele último combate, mas o importante era que a vitória teria sido sua.
 
Lotad Wins

 
Ambos pokémons se encontrariam inconsciente, mesmo o Lotad que teria acabado de vencer daquela batalha contra o fantasma. Os dois retornariam seus devidos pokémons para suas pokébolas, quando em seguida o homem misterioso liberaria um outro pokémon, desta vez era um sombrio na forma de um cachorro, como também obtinha do tipo fogo em seu interior, era isto que as informações que a pokédex do Performance dava para ele [#228 - Houndour]. Enquanto isto Lauts olharia para sua pequena Duclett, enquanto dava o sinal para ela entrar no campo de batalha, mesmo não estando aos seus 100%, ele acreditaria que ela conseguiria vencer daquele pokémon que obtinha desvantagens contra seu tipo.
 
– Ducklett, inicie com Water Sport!
– Ember!
 
E assim Ducklett começaria a realizar de seus movimentos, formando um tipo de chuva que reduziria qualquer ataque do tipo fogo que poderia vir de Houndour, isto lhe traria grandes vantagens. Aproveitando que o seu adversário não atacaria neste turno, o canino rapidamente mandaria brasas na direção da pata, um pouco distraída com o seu movimento, e era acertada pelo seu golpe, mas não lhe causando muito dano naquele turno.
 
– Pode começar a atacar, Water Gun!
– Smog!
 
Neste turno o cão conseguiria atacar primeiro, pela sua boca começaria a sair uma fumaça toxica que iria de encontro com o pequeno pato, mas dispensava um tempo depois, mas neste tempo era o bastante para lhe dar um bom dano, felizmente não o envenenando. Enquanto isto Ducklett mandaria uma pistola de água e acertando Houndou com sucesso, lhe causando o dobro de dano por conta de sua desvantagem.
 
– Vamos continuar com Water Gun.
– Smog!
 
O Houndour não teria nenhum segundo de descanso, ao fechar a boca parando de reproduzir daquela fumaça toxica, segundos depois voltaria a abri-la e reproduzi-la aponto de tentar afetar o seu oponente mais ainda. A fumaça inundaria em volta do corpo da pata, fazendo com que ela respirasse daquela toxina e desta vez fosse afetada pelo veneno, já pelo seu sangue, mas isto não parecia afeta-la psicologicamente, ainda em batalha, acertaria o seu adversário com o golpe aquático, o lhe deixando bastante ferido.
 
– Wing Attack, vamos vencer.
– Ember!
 
Ducklett abriria de suas asas e começaria a voar em direções aleatória pelo ar, tomando ainda mais distância de seu adversário, enquanto voaria em direção de Houndour o mesmo era pego pelas brasas, enfrentaria o fogo de frente quando de repente o atingiria com um golpe aéreo, era forte o bastante para derrota-lo facilmente, mas infelizmente o seu corpo ainda era afetado pelo veneno.
 
Ducklett Wins

 
A batalha já tinha sido decidida, o jovem coordenador teria sido o vencedor, isto fazia com que aqueles homens tirassem de algumas aparelhagens de seus bolsos e jogassem ao chão, que começaria a inundar a praça em fumaça, isto era o bastante para deixa-los fugir facilmente sem que os outros dois ali pudessem reagir. Enquanto a fumaça iria se dispensado, a criança veria o seu pokémon a dois metros e correria até ele, enquanto Lauts veria os seus reunidos, pegando a pokébola de Ducklett o retornaria para ela, já que não estaria muito bem, e teria que ser tratado um quantos rápidos.
 
– Você está bem? – comentava Lauts preocupado com a criança.
 
– Sim, graças a você. Muito obrigado!
 
O pobre garoto, que um dia tinha considerado Lauts como o seu rival, agora estaria o agradecendo por ajuda-lo em uma situação desagradável, caso não recebesse ajuda alguma naquele momento, o seu pokémon poderia ser realmente sequestrado por aqueles homens de preto. Lauts olharia para o pokémon da criança, vendo se não estaria machucado, e dizia.
 
– Não precisa me agradecer, cuidado com quem você encontra na rua, não é todas que são boas pessoas... Aconselho você ir na delegacia, reportar o que aconteceu, assim eles ficariam em alerta na cidade, e poderão prender os criminosos.
 
– Tudo bem, mas não esqueça, ainda quero batalhar contigo novamente!
 
– Um dia nos veremos novamente, e batalharemos. Até lá, fique mais forte!
 
Ambos se despediriam com suas mãos abanando, enquanto a criança iria para o posto policial o coordenador iria para o centro pokémon, e lá ele daria de seus pokémons feridos para que a enfermeira os curasse, enquanto isto ele ficaria pensando em como desafiaria o palco.
 

All Pokémons Healed.
+1000 Exp Misdreavus (Event)
Lauts
avatar
Mensagens : 34

Performer

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Lauts

Mensagem por Gust F. em Dom Dez 09, 2018 3:38 am

Avaliação
História: Eu fiquei um pouco perdido na história dessa vez, mas confesso que não li o último capítulo, que provavelmente era a chave para explicar o que aconteceu. Mas só pelo fato de eu não entender o plot já significa que sua jornada teve um plot, o que significa que você continuou procurar melhorar alguns pontos que eu vinha falando anteriormente, o que é ótimo! Prometo que nos próximos capítulos eu vou ficar mais ligado =P.
OBS: O título da sua jornada ficou errado, eu acho.
Batalha: Porém, quanto ao combate, eu achei que ele ficou um pouco sem emoção. Parte disso eu dou ao fato do seu oponente não dizer nada além do movimento. Além disso, no primeiro combate, que foi o do Yamask x Lotad, eu senti que ficou bem repetitivo, até por você ter feito a mesma combinação quatro vezes.
Ortografia: Continuo observando os mesmos erros que eu cito há tempos, mas dessa vez numa menor frequência, o que é bom! Tudo o que eu poderia comentar aqui já foi comentado nas últimas jornadas, então é isto.
Nota:
✮✮✮
Bônus:
Lotad recebeu 900 de Experiência e subiu para o nível 9! (50/500)
Ducklett recebeu 900 de Experiência e subiu para o nível 12! (0/800)
Misdreavus recebeu 1000 de Experiência e subiu para o nível 14! (500/1000)

O(a) player recebe 150 de Exp! (450/500)


Lotad
Nvl: 9 (50/500)
Hp: 14/14
+40 Happiness (x2);
Aprendeu Bubble!


Ducklett
Nvl: 12 (0/800)
Hp: 29/29
+40 Happiness (x2);


Misdreavus
Nvl: 14 (500/1000)
Hp: 33/33
+20 Happiness (x2);
Aprendeu Confuse Ray!

O(a) player recebe 510$!
Recebeu os presentes Rosa e Vermelho (2x)!
Recebeu uma Blue Apricorn.
Gust F.
avatar
Mensagens : 292

Gust

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Lauts

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum